Século XVIII

O Século XVIII foi o século da revolução industrial, das ideias iluministas e acontecimentos históricos em Portugal como o terramoto de 1755. Muitos monumentos ficaram destruídos naquele fatídico dia 1 de novembro, sendo depois muitos deles reconstruídos ou recuperados, agora segundo os métodos e estilos mais recentes. Sendo o final da Época Moderna e o início da Contemporânea, foram construídos monumentos mais modernos, mais atuais, muito diferentes dos clássicos.

  • A construção desta igreja iniciou em 1740 para substituir uma ermida, dedicada a Nossa Senhora da Piedade, que se encontrava bastante danificada.
  • A Igreja do Divino Salvador, Matriz de Ribeira de Pena, é uma construção do século XVIII em estilo barroco com sinais do rocaille. A sua construção deveu-se a um mecenas local, Manuel José de...
  • Igreja dedicada a Nossa Senhora da Natividade, construída em 1746 para substituir outra anterior de 1531 que ficou danificada devido à violência das correntes.
  • Datada do século XVIII, foi construída sobre um outro templo românico do qual não restam quaisquer vestígios.
  • Construída sobre uma capela dedicada a S. Gonçalo, teve duas partes distintas, em que a sua construção pertenceu à primeira parte do século XVIII.
  • A Igreja Paroquial de Arcos, dedicada a S. Paio, foi edificada no século XVIII, sendo a frontaria e a torre de construção posterior ao corpo da igreja.
  • Situada no centro da vila, a Igreja Matriz, que tem como orago Nossa Senhora da Conceição, foi erigida sobre um outro templo ali existente em 1725.
  • Denominada igualmente como Igreja de São Julião, como o seu Orago, foi edificada no séc. XVIII, em 1779. Tem a sua fachada em estilo barroco, revestida com azulejos azuis e brancos, flanqueada por...
  • Situada a poucos metros da Capela do Cruzeiro, e sendo esta anterior ao ano 1756 e da pertença até então à Igreja Paroquial, há a probabilidade de a igreja ser do princípio do séc. XVIII.
  • Edifício datado do séc. XVIII, tendo sofrido obras no séc. XIX, foi construído em granito, material abundante na região.
  • É mais conhecida como Igreja do Corpo Santo de Massarelos, pois foi construída para substituir a velha e arruinada Ermida da Confraria das Almas do Corpo Santo.
  • Um templo religioso do período do românico em que a igreja atual é supostamente uma edificação do decorrer do século XVIII, tendo-se perdido por completo o original.
  • A única praça existente da localidade e que tem saídas para as diferentes direções da serra, a Prudêncio Vaz Cerieiro, alberga a Igreja Paroquial, uma construção do século XVIII e que teve uma única...
  • A Igreja, dedicada a São João Batista, é um edifício do século XVIII, erguida para substituir uma outra edificação muito mais antiga, possivelmente no mesmo local.
  • A Igreja Paroquial da freguesia de São Marcos de Ataboeira, dedicada a São Marcos, é uma construção do século XVIII.
  • A Igreja Paroquial de Estarreja, dedicada a São Tiago, é uma igreja de uma só nave, construída no século XVIII. A porta principal é do século XVI, do templo anterior da Idade Média que este foi...
  • Este pequeno templo religioso é datado do ano de 1718, tendo sido reedificado em 1692 com as pedras de um outro que se situava no lugar da Veiga, um lugar ermo.
  • Situada a caminho da Cividade do Cossourado, também é conhecida como Santa Maria do Cossourado. A sua edificação surgiu em 1774 em alvenaria de granito.
  • A Igreja do Carmo, de estilo barroco/rococó, foi construída entre os anos 1756-1768. A Igreja dos Carmelitas Descalços, começou a ser construída em 1616 e foi terminada em 1628.
  • O Jardim Botânico da Ajuda foi mandado plantar pelo Marquês de Pombal no século XVIII, em 1768 com a designação de Real Jardim Botânico da Ajuda.