Século XVIII

O Século XVIII foi o século da revolução industrial, das ideias iluministas e acontecimentos históricos em Portugal como o terramoto de 1755. Muitos monumentos ficaram destruídos naquele fatídico dia 1 de novembro, sendo depois muitos deles reconstruídos ou recuperados, agora segundo os métodos e estilos mais recentes. Sendo o final da Época Moderna e o início da Contemporânea, foram construídos monumentos mais modernos, mais atuais, muito diferentes dos clássicos.

  • Nos anos compreendidos entre 1741 e 1743 deu-se a reconstrução da Igreja Matriz de Nossa Senhora do Monte, sobre uma primitiva capela do ano 1489, sendo nos anos seguintes ampliada.
  • Um edifício da segunda metade do século XVIII, segue uma arquitectura barroca de planta retangular, constituído por uma nave e capela-mor.
  • Esta igreja foi construída no local onde existiu uma pequena ermida dos séculos XV ou XVI dedicada a S. Roque, na qual existia uma imagem da Senhora do Rosário.
  • Situada fora da zona histórica da cidade no princípio do século XVIII, a Igreja de Nossa Senhora do Terço veio contribuir para uma expansão da malha urbana nesta zona da cidade.
  • Sendo Corvo elevado a paróquia em 1674, foi erguida a Igreja dedicada a Nossa Senhora dos Milagres, que foi reedificada em 1795. Após um violento incêndio, em 1932, do qual se salvou a imagem da...
  • Igreja ou Ermida de Nossa Senhora Mãe de Deus e dos Homens, ou Capela do Pragal, situa-se no alto do Pragal, no cimo da escarpa em frente da auto-estrada de acesso à ponte.
  • Matriz de Cabo da Praia, é uma igreja do século XVIII em que se destaca a torre sineira volumosa com grandes ventanas do sinos em arco de volta perfeita e a grande janela por cima da porta principal.
  • A Igreja de Paroquial de Castelo Branco, dedicada a Santa Catarina de Alexandria, foi construída em 1767. É constituída por três naves e a fachada principal aberta pela porta com três janelas no...
  • A Igreja de Santa Luzia foi antecedida por uma ermida com a mesma invocação construída no início do século XVII. Uma crise de erupção vulcânica e sismo em 1718 destruiu uma grande parte da ilha,...
  • Igreja Matriz de Castelo de Vide, uma construção do século XVIII e XIX, foi edificada onde existiu uma capela do século XIV. Destaca-se as duas torres sineiras a ladear a fachada principal.
  • Templo construído no séc. XVIII, mais concretamente no ano de 1784, por ordem do bispo, sobre uma primitiva ermida na mesma invocação, românica e datada de 1171.
  • Esta Igreja, situada dentro do Castelo de Sesimbra, é uma construção de 1165. Tendo danos consideráveis ao longo dos tempos, foi construída a igreja atual no início do século XVIII.
  • A Igreja de Santa Maria Madalena, matriz de Agadão, é uma igreja do século XVIII em que destaca as pinturas representando a infância e Paixão de Cristo.
  • Igreja do século XVIII, destaca-se a fachada com o portal em moldura retangular sobreposto de uma janela em arco perfeito ladeada por duas janelas circulares, e o conjunto ladeado pelas duas torres...
  • Ligada a culto e a uma lenda, a Igreja de Santa Quitéria é edificada nos finais do século XVIII no seio da malha urbana da vila.
  • Em 1749, ano em que começou a edificação do convento com o lançamento da primeira pedra, já existia uma ermida, que foi substituída pela atual Igreja de Santa Rita.
  • Esta igreja foi erguida a mando de D. Sancho I para substituir uma ermida edificada por ordem de D. Afonso Henriques pela tomada do castelo aos muçulmanos.
  • Alguns documentos mostram que em 1723 esta igreja já existia, não se sabendo no entanto qual a data certa da sua construção. Tendo sido reedificada em 1736, foi arruinada pelos sismos e pelo tempo e...
  • A Igreja de Santo António foi reedificada em 1769 pelo comandante do regimento, tornando esta igreja em capela.