Portas da Cidade ou do Castelo

As portas da cidade, ou portas do castelo ou da vila, eram os únicos pontos de entrada nas muralhas que circundavam essas povoações ou castelos. Sendo muitas vezes postos defensivos, eram providas de torres, portões, grades ou pontes levadiças. Atualmente são unicamente pontos turísticos com valor histórico.

  • Alminhas da Ponte Como o nome indica, estas Alminhas estão situadas perto da ponte D. Luís I, com o sentido de homenagem às pessoas mortas durante as invasões Francesas. As pessoas, numa tentativa...
  • Este arco é o que resta de uma cerca de muralhas em redor da Vila, que D. Dinis mandou edificar, tendo esta apenas cinco portas de arco quebrado.
  • O Arco da Porta Nova é a porta de entrada na cidade de Braga, Portugal. Esta "nova" porta da cidade, foi aberta em 1512, no tempo de Arcebispo D. Diogo de Sousa. A atual construção data de...
  • Este pequeno troço, constituído por grandes pedras, é a parte final que dá acesso à entrada do Castelo de Sortelha através da Porta Nova.
  • Um castelo com uma única porta, de São Gens, e das muralhas só existem dois fragmentos.
  • Na colina do castelo ergue-se este monumental monumento do Paço dos Alcaides, assim igualmente conhecido, em que a sua edificação teve início nos princípios do séc. XIV por D. Dinis.
  • Do primitivo castelo destacam-se a Alcáçova com a Torre de Menagem, a cisterna abobadada e duas portas, a dos Fogos e a do Sol.
  • O Castelo de Leiria teve o seu papel importante juntamente com outros na defesa e no aumento do território de Portugal, formando uma linha central nesta zona desde o litoral até ao interior....
  • Do Castelo de Mirandela, o que resta é a porta de Santo António. A história deste remonta ao reinado de D. Dinis, nos finais do séc. XIII e princípios do séc. XIV.
  • Sendo uma estrutura medieval tardia, insere-se na reorganização dos espaços fronteiriços a oeste e este de Chaves empreendida por D. Afonso III.
  • A muralha de Nisa é de 1343, num documento de D. Afonso IV. No séc. XVI foi afixada uma lápide com figuras manuelinas pelas intervenções realizadas
  • séc. xiii,d. dinis,séc. xiv,torre,porta,
  • Muralha Porta Porta Muralha Uma cidade dentro de outra com quase 900 anos de diferença. A cidade dos primórdios a Nacionalidade iniciou-se e reforçou-se, tornando-se na cidade de hoje. Sem...
  • Almeida é considerada uma das doze Vilas Históricas de Portugal, e sem dúvida de grande relevância para a história deste País. Do distrito da Guarda é uma das seis e das mais...
  • Uma torre de menagem e uma entrada, é o que resta de uma fortaleza que aqui existiu. Sem qualquer referência do seu início, apenas que é dos primeiros anos da Monarquia Portuguesa.
  • Construídas no séc. XIV para recolher e defender, têm um traçado ovalado irregular. O seu eixo principal é a Rua da Fonte, que se inicia no largo do Curro.
  • É a única porta das muralhas com que Peniche nos recebe, uma antiguidade do séc. XVI que serviu para a defesa da cidade juntamente com o Forte da Consolação e o Forte de São João Batista das...
  • As duas portas estão ladeadas por duas torres ameadas. Uma ostenta o brasão de Trancoso lavrado em pedra, a outra tem duas guaritas.
  • As muralhas de Peniche foram construídas no século XVI para defenderem a cidade em conjunto com o Forte da Consolação e o Forte de São João Batista, nas Berlengas.  As Portas da...
  • A denominação "Olhinho do Sol" corresponde a uma porta aberta nas muralhas, em forma de ogiva, estando esta orientada para a nascente, lugar onde nasce o Sol.

Comentários