Praça de Touros do Campo Pequeno
Praça de Touros do Campo Pequeno
Praça de Touros do Campo Pequeno
Praça de Touros do Campo Pequeno

É o ex-libris da tauromaquia portuguesa, situada no Campo Pequeno, e foi a última das praças que se fizeram em Lisboa. O seu início teve em 1578 quando D. Sebastião mandou edificar a primeira, situada em Xabregas. De seguida, e já no século XVIII, outras tantas praças surgiram como a da Junqueira, Belém, Anunciada, Salitre e, finalmente, a do Campo de Santana. Esta última acabou por ser destruída por um incêndio, acabando por ser substituída pela Praça de Touros do Campo Pequeno.

Construção

A edificação desta nova Praça de Touros começou em 1891 tendo terminado no ano seguinte. Com uma planta circular, foi inspirada na Praça de Touros de Madrid já desaparecida, seguindo a linha arquitetónica revivalista, em particular neo-árabe.

Desenvolvendo-se em quatro pisos, a praça apresenta torreões com cúpulas bolbiformes, sendo coberta ao centro por uma cúpula e lanterna cilíndrica com remate bolboso. Ao acentuar o caráter mudéjar, toda a fachada corrida é revestida por cor de tijolo natural.

Classificação

Esta maravilha tauromáquica está classificada como Imóvel de Interesse Público.

Localização

Coordenadas GPS: N 38 44.523' W 009 08.741'  (38.74205, -9.14568)

Temas / Tags

Avenidas Novas, publicado em por