Estilo Barroco

O Estilo Barroco surgiu na Itália e desenvolveu-se desde o final do séc. XVI até meio do séc. XVIII. Sendo considerado o seguimento do renascentismo, mostra mais dinamismo, maior contraste, dramatismo, exuberância e realismo, procurando a vida espiritual e ao mesmo tempo mostrando a materialidade ostensiva.

  • Situada na baixa da cidade, foi reedificada pelo Bispo de Lamego D. Manuel de Noronha no séc. XVI, tendo o seu brasão no cunhal exterior da capela.
  • A Capela do Espírito Santo faz parte do conjunto do antigo hospital, sendo todo este conjunto pertencente ao século XVI.
  • Pertencente ao Paço da Bemposta, foi edificada no início do séc. XVIII a mando de D. Catarina, filha de D. João IV.
  • Este templo foi mandado edificar pelo infante D. Luís no século XVI. De estilo renascentista, destaca-se as colunas e meias colunas com capitéis dóricos, onde assenta a cúpula.
  • Capela seiscentista de arquitectura maneirista e barroca, com nave única e capela-mor retangular.
  • Situada no centro da vila, este pequeno templo é datado do século XVI, de nave e capela-mor retangulares, com uma fachada principal terminada em tímpano triangular.
  • Situada à saída das portas de São João, em frente do cruzeiro do Senhor do Loreto, é datada de 1770, em barroco simples.
  • Capela também considerada como Igreja Nova, está situada na entradas norte da aldeia, desde o século XVIII, uma construção barroca de planta retangular, formada por uma nave e capela-mor.
  • Do século XV, a que esta capela é identificada, só restam a parte do portal ogival e o arco triunfal. Aqui se realizou a primeira missa no dia seguinte ao descobrimento da ilha.
  • Situado em anexo à Igreja do Hospital de Jesus Cristo, este pequeno templo, também denominado de Capela da Ordem de Terceira de São Francisco, passa como sendo a Igreja do Hospital.
  • Precisamente no ano de 1700, a Capela Militar de Bom Jesus ficou apta para ser sagrada, o que veio acontecer no dia 1 de Novembro.
  • Denominada Capela Nova ou Capela dos Clérigos, é um edifício de arquitectura barroca, cujas obras iniciaram em 1639.
  • Aqui era o Palácio da Cerca, o maior da arquitetura civil dos séculos XVII e XVIII de Almada, com influência barroca e romântica.
  • Casa Malheiro Reimão ou Casa da Capela das Malheiras, tem o seu maior relevo para a capela que está anexada à casa. É considerada como a mais significativa construção barroca da cidade, da...
  • Situada no centro histórico da Lousã, na Rua Nova, a Casa de Baixo integra-se no âmbito das residências nobres da malha urbana da localidade, sendo da segunda metade do século XVIII, com um cariz...
  • Considerada uma das sete maravilhas da freguesia de Moure e o ex-libris desta freguesia, a Casa ou Solar de Gondomil foi-se afirmando a partir do século XVIII, ano da sua edificação.
  • Este gracioso e imponente Solar, uma construção do século XVIII, pertence à Família nobre Serpa Côrte Real. Destaca-se a magnífica e esplendorosa fachada de estilo barroco.
  • Esta casa, que serviu os frades da Ordem de São Francisco, foi construída entre 1747 e 1752 sob o estilo barroco, com a assinatura do famoso arquitecto Nasoni.
  • Um monumental edifício situado na marginal da Figueira da Foz, que começou a ser edificado em 1690 e teve a sua finalização em 1704.