Fortaleza de Juromenha
A Fortaleza de Juromenha é de arquitetura militar, de raiz medieval, da qual ainda hoje mantém uma parte da muralha do castelejo.
Fortaleza - entrada
Fortaleza - frontal
Fortaleza - traseira
Fortaleza - lateral

A Fortaleza de Juromenha é de arquitetura militar, de raiz medieval, da qual ainda hoje mantém uma parte da muralha do castelejo.

Testemunha de guerras e enlaços e intempéries, sem dúvida estrategicamente bem situado, foi considerado uma das chaves da fronteira do Alentejo.

A partir de 1640, no contexto de manter a Independência de Portugal ante uma possível invasão da Espanha, houve a necessidade de estruturar todas as fortificações fronteiriças de Portugal. Sendo esta uma delas, e mediante a sua precariedade de defesa, remontando à Idade Média, foram apresentadas ao Rei D. João IV planos de modernização.

Entre 1646 a 1668, esta Fortaleza sofreu o início da sua restruturação, passando por uma explosão em 1659 e consequente a destruição parcial da sua muralha e de alguns edifícios já edificados, e a morte de alguns homens da guarnição.

Em 1662 sofreu um ataque dos espanhóis, tendo estes capturado esta fortificação, passando para a Coroa Portuguesa em 1668.

Sofreu obras de reparo e ampliação após o terramoto de 1755. No início do século XIX sofreu mais uma Guerra, a Peninsular, aquando da entrega aos espanhóis, para ser recuperado em 1808.

Mas não só de acontecimentos tristes o palco desta Fortaleza assistiu. Pelo menos dois casamentos se realizaram aqui entre o Rei Afonso IV com D. Beatriz de Castela, e de Afonso XI de Espanha com D. Maria de Portugal.

Classificação

Atualmente, esta fortificação está ao abandono, mas mesmo assim está classificado como Imóvel de Interesse Público.

Veja outros pontos de interesse
nesta localidade Juromenha
ou neste concelho Alandroal
Outras localidades deste concelho Alandroal

Localização

Coordenadas GPS: N 38 44.277' W 007 14.475'  (38.73795, -7.24125)

Temas / Tags

Juromenha, publicado em por