Torre Sineira

  • A igreja é de um só plano, a fachada é dividida por pilastras que flanqueiam as portas no piso térreo e as janelas com balaustradas no segundo piso.
  • A Igreja da Santa Casa da Misericórdia é um edifício simples do século XVI. Na fachada, o portal é de cantaria quinhentista, possui uma torre sineira quadrangular com cúpula recortada.
  • Igreja do século XVIII, é do estilo barroco da época Josefina. No seu interior salientam-se o retábulo em talha dourada da capela-mor.
  • Situada na via principal de Vouzela, a fachada é delimitada por cunhais encimados por pináculos, tem no lado direito a torre sineira adossada.
  • A Misericórdia de Azurara foi fundada em 20 de abril de 1566 por alvará régio, tendo autorização de D. Sebastião em 30 de julho de 1577.
  • A Igreja da Misericórdia foi erigida no século XVI por D. Manuel I. Do original resta apenas a estrutura geral e outros poucos elementos.
  • A Igreja da Misericórdia de Coimbra, também designada como Igreja e Claustro do Colégio Novo, ou Colégio de Santo Agostinho, foi edificada com o propósito de albergar os colegiais da Congregação de...
  • No centro histórico de Fão encontra-se a Igreja da Misericórdia que tem o início da sua história no século XVI. O único vestígio deste século é uma porta de arestas chanfradas que está adossado a...
  • Já quase no declinar do século XVI, nomeadamente em 1598, a Igreja da Misericórdia foi fundada com a contribuição do povo, entretanto com muitas alterações.
  • A Igreja da Misericórdia de Messejana, do início do século XVIII, mostra-se em estilo misto de barroco, rococó e neoclássico resultante das diversas obras que teve.
  • A primeira referência à Misericórdia de Monção consta de um alvará de 1576 em que D. Sebastião autorizava que lhe fosse anexada a ordem e gafaria de S. Gião.
  • Edifício do século XVII, no centro histórico de Peniche, confina com o hospital e restantes dependências da Ordem da Misericórdia.
  • Situada na parte baixa e histórica de Tancos, mesmo em frente ao rio Tejo, a Igreja da Misericórdia terá surgido na década de oitenta do séc. XVI.
  • A edificação da Igreja começou em 1583, a fachada terminou em 1588, a sacristia iniciada em 1595 e no ano seguinte começou a execução do retábulo-mor que terminou em 1600.
  • A Igreja da Misericórdia do Barreiro foi fundada em 1569 pela Irmandade de Misericórdia.
  • Igreja da Misericórdia e Capela de São Miguel, templos do século XVII, salientando-se na primeira a talha do altar-mor e o púlpito no exterior.
  • A Igreja da Nossa Senhora das Dores remonta ao séc. XVIII uma vez que, até aí, era dedicada à ermida do Senhor Crucificado.
  • Templo do início do séc. XVIII, demorou dezoito anos a concluir, contudo os acabamentos terminaram em 1761, data da inscrição na porta.
  • Situada junto do Convento de Santo António, com o qual se confunde, é uma edificação dos meados do século XVIII.
  • Igreja da Ordem Terceira do Carmo, foi construída no século XIX onde existia uma anterior Capela de Santo António Velho, que foi destruída principalmente devido às Invasões Francesas.