Esta igreja teve o seu início numa capela que guardava a imagem desta invocação. A construção da igreja teve o seu início um ano depois de instituída a Irmandade de Nossa Senhora da Lapa, recebendo assim um aumento de peregrinações de crentes.

História

Igreja da Lapa
Fachada frontal
Igreja da Lapa
Fachada lateral sul
Igreja da Lapa
Fachada lateral norte

Esta igreja teve o seu início numa capela que guardava a imagem desta invocação, recebendo por isso um aumento de peregrinações de crentes.

A construção da igreja teve o seu início um ano depois de instituída a Irmandade de Nossa Senhora da Lapa. Contudo esta construção foi erguida após mais de um século do lançamento da primeira pedra em 17 de julho de 1756, tendo por isso abrangido várias épocas denotando-se vários estilos, dividindo-se entre o rococó e o neoclássico.

A igreja foi consagrada em 1779, mas a construção só foi concluída em 1863.

Fachada

A fachada apresenta-se com três portas, em que as laterais correspondem à entrada para a sacristia e para a Casa da Irmandade. A central dá entrada para a igreja.

Na parte superior apresenta um frontão triangular neoclássico que remata o alçado, em que se elevam quatro estátuas femininas denominadas como Raquel, Judite, Ester e Sara.

Interior

Igreja da Lapa - interior
Interior

No seu interior apresenta nas paredes laterais arcos com retábulos neoclássicos. A capela-mor, com o mesmo estilo, apresenta uma imagem da padroeira.

Neste espaço também se conserva o mausoléu com o coração de D. Pedro IV, Imperador do Brasil. Este atributo deve-se ao facto deste monarca ter concedido à irmandade a construção do cemitério anexado à igreja durante o cerco ao Porto em 1833.

Classificação

O conjunto igreja/cemitério está classificado como Imóvel de Interesse Público.

Localização

Esta igreja situa-se no Largo da Lapa, entre o Cemitério da Lapa e o Quartel de Santo Ovídio, no fnal da Rua Antero de Quental.

Coordenadas GPS: N 41 09.420' W 008 36.752'  (41.15700, -8.61253)

Temas / Tags

Cedofeita, publicado em por