Igreja de Santiago
Igreja de Santiago
Igreja de Santiago - capela-mor
Igreja de Santiago - coro

A Igreja de São Tiago, ou de Santiago, é uma construção do século XII, de 1186, por ordem de D. Sancho I. Situa-se junto da entrada do castelo e é dos templos mais conhecidos da vila devido à sua situação no final da rua principal.

Tendo sido totalmente destruída pelo terramoto de 1755, a sua reconstrução, num estilo bastante diferente do gótico original, terminou em 1778. A sua entrada, originalmente virada para o castelo, está agora virada para o centro da vila.

Foi utilizada como apoio aos peregrinos que se dirigiam a Santiago de Compostela.

Igreja de Santiago - entrada

Estando durante muito tempo abandonada, foi recuperada pela instituição "Ler Devagar" e transformada na grande Livraria de Santiago, não perdendo no entanto o seu significado original. O altar, o coro e todo o espaço foi adaptado com estantes e mesas para exposição e venda de livros. Pode ainda ver exposições, debates, projeções de filmes, lançamento de livros e tomar um café. Em paralelo com esta transformação, José Pinho, da "Ler Devagar", transformou outros espaços de Óbidos no mesmo sentido, para tornar a vila numa "Vila Literária".

Esta igreja mantém nas paredes diversas pinturas de grande valor.

Coordenadas GPS: N 39 21.789' W 009 09.437'  (39.36315, -9.15728)

Temas / Tags

Óbidos, publicado em por