Chafariz das Cinco Bicas
Chafariz das Cinco Bicas

Este é o único chafariz sobrevivente de três que existiram nos princípios do século XVIII nas Caldas da Rainha. Este, ao contrário dos outros dois, possui cinco bicas, dando o nome ao chafariz, mostrando a imponência das dimensões e o aparato das volutas que o ladeiam e das bacias por onde a água escorre.

Edificado segundo um programa para colmatar a falta de abastecimento de água à cidade, impulsionado pelo Rei D. João V, este chafariz de cinco bicas é uma alusão às Oceânides, divindades femininas personificadas em fontes, riachos ou cursos de água que descendiam do Oceano, o deus grego das águas correntes, retomando à temática mitológica da habitual iconografia barroca na arquitetura relacionada com a água.

O chafariz é formado por um espaldar com um nicho de volta perfeita flanqueado por duas pilastras de cada lado, a última das quais rematada por um vaso. O nicho acolhe três taças escalonadas, decoradas por acantos e temas vegetalistas, dispostas de forma a que a água, saindo da bica superior, caia em cascata. Na zona inferior encontram-se as restantes cinco bicas, cuja água cai para um tanque. Acede-se às bicas por dois lanços de escadas laterais e em frente desta, no plano térreo, um outro tanque que servia de bebedouro aos animais.

Está classificado como Imóvel de Interesse Público.

Coordenadas GPS: N 39 24.274' W 009 07.919'  (39.40457, -9.13198)

Temas / Tags

Caldas da Rainha, publicado em por

 


Os Mais Próximos


Ermida de São Sebastião
Caldas da Rainha
(90 m W)

Igreja de Nossa Senhora do Pópulo
Caldas da Rainha
(121 m S)

Hospital Termal
Caldas da Rainha
(166 m SW)

Balneário Termal
Caldas da Rainha
(191 m SW)

Fontes

Imóvel de Interesse Público

Século XVIII


Cruzeiro dos Milagres
Arcos de Valdevez

Casa da Praça
Viana do Castelo

Casa da Água
Cabo Espichel, Sesimbra

Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Portinho da Arrábida, Setúbal

Igreja de S. Simão
Vila Fresca de Azeitão, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Conventos e Mosteiros

Coretos

Fortes e fortalezas

Igreja Matriz


A Igreja Matriz, a Albergaria
Arrifana, Vila Nova de Poiares

Antiga Igreja Matriz
Vila Pouca de Aguiar

Capela da Senhora da Soledade
Olhão da Restauração, Olhão

Capela de Nossa Senhora da Saúde de Fetais
Santo Quintino, Sobral de Monte Agraço

Imóvel de Interesse Municipal


Santo Estêvão


Capela de Santa Estevão de Arrifana
Arrifana, Santa Maria da Feira

Capela de Santo Estêvão
Valongo do Vouga, Águeda

Castelo de Santo Estevão
Santo Estêvão, Chaves

Igreja Matriz de Santo Estêvão
Santo Estêvão, Tavira

São Sebastião


Capela de Nossa Senhora da Saúde
Santa Maria Maior, Lisboa

Capela de S. Sebastião
São Julião de Palácios e Deilão, Bragança

Capela de S. Sebastião
Rabal, Bragança

Século XV

Século XVI

Torre Sineira


A nossa Igreja
Freches, Trancoso

Antiga Igreja Matriz
Vila Pouca de Aguiar

Antiga Matriz de Alcoentre
Alcoentre, Azambuja

Antigos Paços do Concelho
Castelo Novo, Fundão