Igreja Matriz de Algosinho
A Igreja de Algosinho, ou Igreja de Santo André, é considerada um templo românico, que se crê pertencer aos finais do século XIII, talvez princípios do século XIV.
Igreja de Algosinho
Igreja de Algosinho
Igreja de Algosinho

Aqui está o exemplo da monumentalidade da Igreja de Algosinho, ou Igreja de Santo André, considerada um templo românico, situada no centro do Parque Natural do Douro Internacional.

Crê-se que a igreja pertença aos finais do século XIII, talvez princípios do século XIV, com uma planta longitudinal formada por nave única e capela-mor retangulares.

O templo de escassa altura apresenta uma fachada principal rasgada por uma porta de arco quebrado simples e apoiado sobre impostas salientes, encimado por um nicho de volta perfeita, na qual apresenta uma rosácea circular preenchida por uma estrela de seis pontas. A fachada apresenta-se em empena triangular, sobrepujada axialmente por sineira de arco redondo.

Interior

No interior, a nave é formada por três tramos, acedendo-se ao portal por uma escadaria. Apresenta um arco triunfal, de perfil apontado e assente em impostas, não existindo qualquer suporte por meio de colunas. A capela-mor perdeu-se, sendo substituído pela atual com ábside do tempo barroco.

Classificação

Esta igreja está classificada como Imóvel de Interesse Público desde do ano de 1955.

Veja outros pontos de interesse
nesta localidade Algosinho
ou neste concelho Mogadouro
Outras localidades deste concelho Mogadouro

Localização

Coordenadas GPS: N 41 17.825' W 006 33.619'  (41.29708, -6.56032)

Temas / Tags

Algosinho, publicado em por