Fonte maneirista do século XVI, no centro do jardim no Campo das Hortas, foi mandada edificar em 1594 pelo Arcebispo D. Frei Agostinho de Jesus com o objetivo de a colocar no extremo este do Campo de Sant´Ana, que atualmente se denomina de Avenida Central.

História da Fonte

Fonte das Hortas
Fonte, lado norte
Fonte das Hortas
Fonte, lado sul

Fonte maneirista do século XVI, encontra-se ao centro do jardim no Campo das Hortas a embelezar a Casa Grande. Foi mandada edificar em 1594 pelo Arcebispo D. Frei Agostinho de Jesus com o objetivo de a colocar no extremo este do Campo de Sant´Ana, que atualmente se denomina de Avenida Central.

No século XIX foi colocada na Praça do Comércio, sendo depois em 1914 transferida para o local actual.

Descrição

Grandiosa e decorada fonte de granito, é constituída por uma base octogonal que alterna entre degraus e sebes. Nesta, assenta um tanque circular formado por duas taças, ambas decoradas com carrancas a servir de bicas. As taças são sustentadas por uma coluna galbada, com o mesmo género entre elas.

A rematar, a decoração da coluna divide-se em três partes, com a primeira a constituir a origem das bicas, seguindo-se o brasão do Arcebispo D. Baltasar Limpo e a terceira com um corpo cilíndrico decorado com volutas e boleados. Termina com uma esfera armilar e cruz cardinalícia em metal.

Localização

Coordenadas GPS: N 41 32.993' W 008 25.814'  (41.54988, -8.43023)

Referências

Temas / Tags

Braga, publicado em por