Pelourinho de Esgueira
Pelourinho de Esgueira, símbolo de autonomia e autoridade municipal, crê-se que o atual, datado do século XVIII, veio substituir um outro mais antigo.
Temas / Tags
Pelourinho de Esgueira
Pelourinho de Esgueira

A localidade de Esgueira desde muito cedo sempre recebeu honras do poder político recebendo por isso dois forais, o primeiro em 1110, conferido pelo Conde D. Henrique, e o segundo no ano 1515, conferido pelo D. Manuel.

Contudo, a partir de 1759, a ascensão de Aveiro a cidade e a sua aproximação marítima acabariam por ditar a decadência de Esgueira. Mas, apesar de ter perdido esta regalia, não deixou de ter a sua simbologia que representou até à data, mas mesmo assim ainda conserva o foral Manuelino.

Descrição

Situado junto aos Antigos Paços do Concelho, é constituído por uma coluna espiralada da época barroca. Sobre um pedestal ergue-se o fuste em torso sem qualquer decoração.

É encimado por um capitel coríntio, de uma única ordem de cantos sobre o qual se ergue o entablamento, e um corpo paralelipipédico onde se encontram esculpidos os símbolos do País e de Esgueira; brasão nacional, barco de três mastros, três setas cruzadas, esfera armilar dominada da cruz de Cristo.

Classificação

Este Monumento está classificado como Imóvel de Interesse Público desde 1933.

Veja Também

  • Veja outros pontos de interesse
  • Outras localidades deste concelho Aveiro

Localização

Coordenadas GPS: N 40 38.909' W 008 37.681'  (40.64848, -8.62802)
Esgueira, publicado em por