O que parece ser um edifício como tantos outros é na verdade um elemento de certo modo importante e de relevo para a vila de Sardoal, não só no aspeto arquitetónico como histórico.

O Edifício

Cadeia Velha
Edifício da
Cadeia Velha

O que parece ser um edifício como tantos outros é na verdade um elemento de certo modo importante e de relevo para a vila de Sardoal, não só no aspeto arquitetónico como histórico.

Situada no centro histórico de Sardoal, a poucos metros da Igreja da Misericórdia, teve uma só origem seguindo-lhe várias funcionalidades.

Origem Medieval

Construção de origem medieval e com uma localização privilegiada, este edifício foi indicado como residência dos Condes de Abrantes ou de algum descendente.

Crê-se que foi atribuída a Carta de Foral a D. Lopo de Almeida, descendente da Família, por D. João III. Com esta ação, acredita-se que o pelourinho inicialmente se localizasse nesta zona.

A Nova Casa

Contudo, com o aumento da riqueza a partir do negócio do comércio das especiarias orientais, houve a necessidade da construção de uma residência mais consistente com a posição e nobreza da Família.

Esta construção, que atualmente é conhecida como a Casa Grande ou dos Almeidas, serviu de Casa da Câmara, açougues e cadeia, por esta ordem. Como última funcionalidade, este edifício ficou até agora conhecido como a Cadeia Velha, mantendo o brasão dos Almeidas.

Localização

Coordenadas GPS: N 39 32.001' W 008 09.673'  (39.53335, -8.16122)
Sardoal, publicado em por