Castelo de Tomar
Castelo de Tomar

Foi à Ordem dos Templários que foi concedida a defesa das linhas de Coimbra, sendo a região de Tomar o centro estratégico para tal defesa e tendo contribuído para isso a posse de um vasto território entre o Tejo e o Mondego.

Para a defesa da linha contribuiu a doação da Carta Régia em 1159, com o começo da edificação do castelo no ano seguinte. Para a afirmação desta linha, o Mestre da Ordem atribuiu a carta de foral aos moradores, cuja contribuição serviu para dotar o local com condições mínimas de defesa, povoamento e dinâmica sócio-económica.

 
Castelo de Tomar
Castelo de Tomar

O propósito da escolha da Ordem dos Templários para a segurança de Coimbra, deveu-se a uma estratégica militar capacitada para assegurar essa defesa, como também se deve possuidora das melhores técnicas militares da época.

Todavia, as origens do castelo remontam ao período anterior à doação uma vez que, segundo alguns vestígios pouco definidos, iria para o período romano e que se terá mantido no islâmico. Contudo, das várias alterações verificadas no recinto fortificado, a maior parte delas realizaram-se no alargamento do Convento de Cristo, sendo numerosos os elementos românicos da fortaleza. Nesta campanha de obras destaca-se a Torre de Menagem, um elemento introduzido no país pelos Templários, sendo este exemplar de Tomar o mais antigo.

O Castelo Templário ou de Tomar serviu, como outros cinco da região, para a chamada "linha do Tejo" para a reconquista Cristã.

Está classificado como Monumento Nacional.

Coordenadas GPS: N 39 36.194' W 008 25.061'  (39.60323, -8.41768)

Temas / Tags

Tomar, publicado em por

 


Os Mais Próximos

Castelos

Monumento Nacional


Anta da Agualva
Agualva-Cacém, Sintra

Igreja de S. Pedro de Rates
São Pedro de Rates, Póvoa de Varzim

Castelo de Lindoso
Lindoso, Ponte da Barca

Século XII


Castelo de Algoso
Algoso, Vimioso

Igreja de Manhente
Manhente, Barcelos

Mosteiro de Landim
Landim, Vila Nova de Famalicão

Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Portinho da Arrábida, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Câmara Municipal

Imóvel de Interesse Público

Museus e Galerias de Exposição

Percurso do Vale do Douro


Capela de Fandinhães
Paços de Gaiolo, Marco de Canaveses

Igreja Matriz de São Martinho de Mouros
São Martinho de Mouros, Resende

Igreja de Santa Maria Maior
Tarouquela, Cinfães

Praias da Costa Marítima


A Praia das Maçãs
Praia das Maçãs, Sintra

Antiga Armação do Atum
Santa Luzia, Tavira

Barrinha de Esmoriz
Esmoriz, Ovar

Baía de São Martinho do Porto
São Martinho do Porto, Alcobaça

Fotos das Praias
Figueira da Foz

São Paio

Século XI

Século XVIII

Torre Sineira


A nossa Igreja
Freches, Trancoso

Antiga Igreja Matriz
Vila Pouca de Aguiar

Antiga Matriz de Alcoentre
Alcoentre, Azambuja

Antigos Paços do Concelho
Castelo Novo, Fundão