Conhecido como Casa da Quinta, a qual dá o nome à rua que a ladeia em sentido ao Largo Principal, este edifício é mais um belo exemplar de residência senhorial.

Origem e Construção

Paços do Concelho
Paços do Concelho
Paços do Concelho
Paços do Concelho

Foi mandado edificar por uma das Famílias mais reputadas da vila, Barreto Chichorro, que também instituiu na Igreja Matriz uma capela que albergam alguns restos mortais da Família.

1685 é a data inscrita num dos portais da casa, crendo-se que esta seja a da finalização. Desconhece-se por completo a data exata, sendo-lhe atribuída a centúria de seiscentos devido à tipologia do edifício e ao programa decorativo dos interiores.

Os Dois Pisos

Paços do Concelho - coluna
Coluna
Paços do Concelho - coluna
Coluna
Paços do Concelho - porta
Porta lateral

Edifício de planta retangular, pautando-se de uma sobriedade de linhas depuradas numa estrutura solarenga, é formado por dois pisos com uma marcação simétrica de aberturas.

No piso inferior as portas dão acesso ao piso térreo, intercaladas por janelas. O piso superior, a parte nobre da casa, é rasgado por janelas de sacada com guardas de ferro forjado. O acesso ao piso nobre é feito através de uma escadaria existente no lado esquerdo da fachada, onde se pode ver a inscrição no portal de 1685.

Paços do Concelho

Atualmente, e como acontece neste tipo de casa nas localidades do interior, acaba por vir a pertencer aos Paços do Concelho, sendo esta adquirida já no século XX.

Classificação

É de salientar de que este Imóvel está classificado como de Interesse Público .

Localização

Coordenadas GPS: N 40 09.306' W 008 06.639'  (40.15510, -8.11065)

Temas / Tags

Góis, publicado em por