Castelo de Castelo Branco
Originalmente, onde se situa o castelo foi um castro pré-histórico que viu várias civilizações passarem como os romanos, suevos, visigodos e os muçulmanos.
Castelo - interior
Castelo - muralhas

Com a Reconquista Cristâ, em 1165, foi tomado aos muçulmanos e doado à Ordem dos Templários por D. Afonso Henriques, para que a povoasse e defendesse. Entre 1214 e 1230 surgiu em Castelo Branco a primeira muralha, integrando com os Castelos de Almourol, Monsanto, Pombal, Tomar e Zêzere, formando uma defesa denominada de Linha da Raia ou Linha do Tejo.

No Reinado de D. Dinis a Ordem do Cristo deu lugar à do Templo, época em que o monarca mandou erigir a Torre de Menagem, de planta poligonal.

No final do século XIII os muros eram rasgados por quatro portas, a do Ouro, de Santiago, de Pelame e da Traição.

D. Afonso IV mandou erguer novas muralhas para as vilas de Castelo Branco e Nisa, surgindo assim uma segunda muralha, e esta envolvendo a vila.

No reinado D. João I ergueu-se o palácio com vários anexos. A barbacã foi a próxima a ser edificada, no séc. XV.

Finalmente no Reinado de D. Manuel, encontrando-se já no Livro de Armas, as partes dominantes do castelo foram a Torre de Menagem, a dupla cerca, a Torre do Relógio e as oito portas já existentes nesta época. É injusto que, por muito pouco que reste do castelo, ainda não esteja classificado.

Veja outros pontos de interesse
nesta localidade Castelo Branco
ou neste concelho Castelo Branco
Outras localidades deste concelho Castelo Branco

Localização

Coordenadas GPS: N 39 49.525' W 007 29.783'  (39.82542, -7.49638)

Temas / Tags

Castelo Branco, publicado em por