Pelourinho de Torre de Dona Chama
Pelourinho de Torre de Dona Chama

O Pelourinho da Torre Dona Chama é dos mais antigos de Portugal, pois esta vila recebeu o seu primeiro foral ainda no tempo do reinado D. Dinis, decorria o ano de 1287. Foi por pouco tempo que esta vila manteve o concelho tendo sido extinto, mas retornando à mesma posição no ano de 1299 por carta, ampliando ainda mais os privilégios da primeira. D. Manuel reforçou este foral em 1512, tendo sido extinto definitivamente em 1855, a favor de Mirandela.

O pelourinho constitui-se em três degraus quadrangulares, estando o térreo enterrado no solo. A base do fuste é igualmente quadrangular, afeiçoada no topo, de forma a aproximar-se da secção do fuste. Este tem a forma oitavada e lisa. Encima o colarinho e ábaco saliente, ao modo de tabuleiro, apresentando quatro braços em cruz, ao modo de cachorros com cabeças de animais salientes nos ângulos. A peça de remate é formada por um bloco prismático com o escudo das quinas de um dos lados e um largo tabuleiro saliente no topo. Em cima deste, uma pequena peanha quadrada que sustenta um pináculo bojudo de bom tamanho com remate esférico.

Este Pelourinho está classificado como Imóvel de Interesse Público.

Coordenadas GPS: N 41 39.138' W 007 07.641'  (41.65230, -7.12735)

Temas / Tags

Torre de Dona Chama, publicado em por