Classificada pelos habitantes do concelho como uma das sete maravilhas, a ponte de Anhel, que atravessa o rio Neiva, faz a ligação da estrada Nacional 306 que liga Braga a Viana do Castelo.

Descrição

Ponte de Anhel
Arcos da Ponte
Ponte de Anhel
Arcos da Ponte
Ponte de Anhel - Talha-mares
Talha-mares
Ponte de Anhel - Pedra real
Pedra real

Cronologicamente do século XIII, atualmente esta construção medieval rodoviária perde-se na história e no espaço. Foi feito uma nova ponte alguns metros a montante para a circulação do tráfego, dada a pouca largura desta ponte antiga, a qual, se o condutor não for atento, passa despercebido.

Uma construção em pedra granítica, é formada por três arcos de volta perfeita dos quais o central é maior que os restantes. Entre estes e numa base de sustentação da ponte, possui dois talha-mares para o corte de água. O tabuleiro é reto com guardas também em granito e de altura considerável.

A existência de uma pedra retangular num dos lados da ponte e encostada a esta, tal como acontece em outras pontes, mostra que eram patrocinadas pelo Reino ou pelo Monarca da altura, para o que nelas se gravava o escudo de Portugal encimado por uma coroa.

Como curiosidade, esta ponte faz parte de duas freguesias do concelho de Barcelos, Panque do lado norte e Alheira do lado sul, separadas pelo rio Neiva. A estrada nacional que percorre a ponte recentemente construída ao lado é dividida a meio sendo o lado oeste do concelho de Barcelos e das duas freguesias referidas, e o lado leste do concelho de Ponte de Lima, distrito de Viana do Castelo.

Localização

A ponte está situada pouco mais de mil metros a norte da sede da freguesia, Alheira, na separação desta com a freguesia de Panque, na estrada N306.

Coordenadas GPS: N 41 37.674' W 008 34.165'  (41.62790, -8.56942)

Temas / Tags

Alheira, publicado em por