Moinho da Candosa
Moinho

Os moinhos são uma estrutura de aproveitamento da energia cinética da água, que permitem a moagem de cereais. São pitorescos adornos da paisagem, movidos a água, com uma engrenagem de moenda muito elaborada de trituração dos grãos entre duas pedras.

Na Candosa, existiam quatro moinhos, um na levada, que ainda hoje funciona, denominado moinho de inverno pois no verão a água que passava nesta era totalmente canalizada para as regas. Havia outro na foz da ribeira, e os dois restantes ladeados pelos dois açudes no rio Ceira, da aldeia.

O moinho de água situado na levada, acompanhando o declive do terreno paralelo a esta, é de roda horizontal ou rodízio. De paredes rudimentares em pedra, com o seu beirado quase ao nível da encosta, tem acesso por um conjunto de degraus talhados irregularmente no solo, que dão comunicação à sua entrada. Recolhe a água da Ribeira do Carvalhal que passa pelo regadio, através de um desnível tosco e oblíquo que dá para o aqueduto do moinho, que em contacto com o rodízio o faz girar.

Candosa, publicado em por

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Moinhos de Água

Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Portinho da Arrábida, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Figuras da Realeza de Portugal


D. Dinis
Coimbra

D. Manuel I
Almendra, Vila Nova de Foz Côa

Fortes e fortalezas

Imóvel de Interesse Público


Monumento Nacional


Anta da Agualva
Agualva-Cacém, Sintra

Anta da Barrosa
Vila Praia de Âncora, Caminha

Anta de Santa Marta
Santa Marta, Penafiel

Nossa Senhora das Dores

Século XIX

Torre Sineira


A nossa Igreja
Freches, Trancoso

Antiga Igreja Matriz
Vila Pouca de Aguiar

Antiga Matriz de Alcoentre
Alcoentre, Azambuja

Recentes