História e Descrição

Casario da aldeia
Casario da aldeia

Pertencendo à rede das vinte e sete aldeias de xisto, Fajão está situada na Serra do Açor e é uma das duas que pertencem ao concelho da Pampilhosa da Serra. Das poucas ou a única aldeia com um passado que lhe confere uma autonomia a nível político e territorial.

Casario da aldeia
Casario da aldeia

Foi-lhe concedido em 1233, pelo Prior do Mosteiro de São Pedro de Folques, um foral no âmbito de criar comunidades de homens livres que garantissem e mantivessem o povoamento do território cristão. Adquiriu assim o estatuto de concelho que só viria a ser demarcado em 1602, no qual teriam que pagar uma renda de dez alqueires de trigo e dez galinhas. Esteve como vila e sede do concelho até 1855, sendo então formada por uma população de três mil trezentos e sessenta habitantes, após a reforma administrativa anexando a esta mais cinco freguesias.

Casario da aldeia
Casario da aldeia

Uma aldeia situada à face da estrada, o que faz dela uma localidade média transformando-a numa aldeia um pouco descaraterizada. Vitima dos tempos em que a própria localidade vai perdendo os seus habitantes, restando-lhes os mais idosos que quase caem no esquecimento com a aldeia. Após vários anos nestas condições, atualmente o visitante pode sentir que esta descaraterização está a ser invertida no sentido de tornar a aldeia numa autêntica aldeia de xisto.

Casario da aldeia
Casario da aldeia

Ao contrário das aldeias da Lousã esta situa-se com um declive não muito acentuado, sendo por isso de fácil acessibilidade para quem a visita.

Fajão, publicado em por