Crucial no campo militar, económico e religioso, a Vila de Ponte de Lima, teve o seu desenvolvimento baseado no seu ex-libris, a ponte sobre o rio Lima.
Vista Geral de Ponte de Lima
Vista Geral da Vila

Um pouco foi escrito em cada artigo personificando a Vila que nunca quis mudar de categoria, entrando no século XXI com aquele orgulho que sempre acompanhou os Limianos.

O orgulho acompanha paralelamente o sentimento de ser a Vila mais antiga de Portugal, e que teve no seu ponto geográfico a importância que acabaria por ter no desenrolar da sua história. Crucial no campo militar, económico e religioso, a Vila de Ponte de Lima, teve o seu desenvolvimento baseado no seu ex-libris, a ponte sobre o rio Lima.

Ponte sobre o Rio Lima
Ponte sobre o rio Lima

A Ponte do Rio Lima ligou as duas margens na época dos romanos, possivelmente no século I. Mais tarde, pelo ano 1125, a ponte foi aproveitada pela então Condessa D. Teresa de Leão que outorgou a carta de foral à Vila, aproveitando assim a sua situação favorável.

Este merecimento e confiança teve sempre as honras no decorrer dos séculos, acabando por ter um papel fundamental no período medieval. Sendo este ponto de referência, é a única passagem do Rio Lima que possibilitava a passagem dos peregrinos a caminho de Santiago de Compostela, o que ainda hoje é feito.

Vista Geral de Ponte de Lima
Centro da Vila

Basicamente histórica, a sua beleza natural, cultural e arquitetónica fazem deste cantinho do Alto Minho um local por excelência de todo o Portugal, conjugando-se com toda a simpatia dos seus cerca de quarenta e cinco mil habitantes.

Ponte de Lima, publicado em por