Ponte Medieval

Esta Ponte de Vilela é um verdadeiro exemplo medieval, uma vez que a sua edificação foi de raiz, sem qualquer vestígios das anteriores estruturas romanas, contrariamente ao que acontece na maioria destas estruturas.

Não há um tempo cronológico para a sua edificação, acreditando-se porém que seja de um período dos meados do século XIII. Talvez da primeira metade deste século, uma vez que a sua primeira referência foi nas inquirições de 1258, altura em que foi referido no topónimo, a "ponte", acreditando-se efetivamente da sua existência por esta data.

Ponte Medieval

A construção, que atravessa o rio Vez, foi edificada em pedra granítica em dois arcos quebrados e desiguais, sendo o da margem direita de menor abertura que o da esquerda, dando origem a uma explicação da campanha reformadora no final da Idade Média. Por esta razão, e devido a esta abertura dos arcos serem desiguais, houve a necessidade de um talhamar prismático para reforçar a configuração da ponte.

O tabuleiro ainda mantém a maior parte do revestimento medieval, com o seu lajeado de granito de grandes dimensões, mas de talhe imperfeito e disposição irregular, com guardas em cantaria, dispostas verticalmente. Tem no seu comprimento sessenta metros por uma largura de quatro metros e vinte.

Está classificada como Imóvel de Interesse Público.

Coordenadas GPS: N 41 55.255' W 008 26.506'  (41.92092, -8.44177)

Temas / Tags

Vilela, publicado em por