Igreja de Santa Maria Maior
Fachada frontal
Igreja de Santa Maria Maior
Lateral

A Igreja de Santa Maria Maior, ou melhor, São Tiago, padroeiro da Cidade do Funchal, que deu o nome a este templo religioso após a Câmara Municipal ter assumido o cumprimento de voto, depois de um surto de peste que atingiu a cidade. Tudo aconteceu no ano de 1523.

A Igreja de Nossa Senhora do Calhau, que era matriz da freguesia, onde estava a imagem de S. Tiago Menor, foi totalmente destruída por um aluvião em 1803 que provocou também a morte a 200 pessoas por afogamento. Após este acontecimento a imagem de S. Tiago foi transferida para a igreja de S. Tiago Menor, ou de Nossa Senhora do Socorro, que passou então a ser a igreja Matriz.

De estilo barroco, no seu interior destaca-se os altares de talha rococó e pinturas no tecto. Também de referir o sacrário de prata e ébano, na sacristia, e o armário com alçado pintado, datado de 1567.

Coordenadas GPS: N 32 38.820' W 016 53.864'  (32.64700, -16.89773)
Funchal, publicado em por

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Recentes