Este monumento quinhentista (do século XVI) situa-se na base do monte de Santa Ana, no limite norte de Azurara, junto do Rio Ave e em frente da cidade de Vila do Conde.

Origem da Azenha

Azenha no Rio Ave

Há referências a uma azenha na margem esquerda do Rio Ave no século XIII. Assim, a sua construção é desse século ou anterior, mas totalmente reconstruída no referido século XVI, em 1532, por D. Pedro de Menezes, 3º marquês de Vila Real.

Aspeto de Fortim

No entanto, não deixa de existir uma particularidade em que, sendo no seu interior uma azenha, o seu formato exterior se parece com uma torre ou um fortim, por terminar numa cornija de merlões.

Possivelmente foi construída assim por semelhança com as estruturas militares desse tempo.

Estrutura

É de planta retangular, de um único volume.

Podemos ver uma porta na fachada principal, que está encimada pelo brasão de armas dos marqueses de Vila Real. As fachadas laterais são abertas por janelões.

Açude

Devo acrescentar que se pode ver a azenha do lado de Vila de Conde, uma vez que o Rio Ave os separa, tendo a foto sido tirada da outra margem do rio, do lado da cidade.

Junto desta azenha foi construído um açude a atravessar o rio Ave em toda a sua largura. A sua função é a da fazer regularizar e subir o nível do rio a montante deste local.

Classificação

Esta azenha está em vias de classificação e homologada como Imóvel de Interesse Público desde julho de 1980.

Localização

Coordenadas GPS: N 41 21.077' W 008 44.149'  (41.35128, -8.73582)

Referências

Temas / Tags

Azurara, publicado em por