Igreja Matriz de Vandoma

Na sua simplicidade de traça neoclássica, este é um dos muitos templos que apresenta uma interessante e pequena história de aldeia, com pouco relevância, mas que se deve ter em conta para uma visita descontraída e de passagem se for o caso.

É com indicação testemunhal dos aldeões que o atual edifício é uma substituição de um outro que se erguia num lugar chamado de muro, nesta mesma freguesia, com vestígios através do cemitério e do adro, remontando ao período dos Mouros.

O então estado de ruínas do primeiro templo foi o motivo para a translação de uma pedra daquele templo e daquele lugar para o atual local, dando assim início à construção do templo dedicado a Santa Eulália. Os testemunhos indicam que o interior é revestido de talha barroca e dourada.

Descrição

Igreja Matriz de Vandoma
Igreja Matriz de Vandoma

Com uma construção simples do granito da região, apresenta uma planta retangular formada de nave e capela-mor, tendo anexada a esta a sacristia.

A fachada apresenta a porta principal em moldura reta encimada por um frontão triangular e por duas janelas retangulares em altura, envidraçadas. É rematada em empena, com a cruz latina no vértice e ladeada por pináculos piramidais.

À direita desta ergue-se a torre sineira quadrada sobre um arco de volta perfeita, com quatro sinos e uma cobertura piramidal.

Localização

Coordenadas GPS: N 41 11.590' W 008 24.367'  (41.19317, -8.40612)

Temas / Tags

Vandoma, publicado em por