Descoberto em 1927 e situado no Outeiro das Mós, é um dos mais importantes conjuntos sepulcrais pré-históricos e de grande interesse arqueológico. A área foi classificada como zona especial de proteção (ZEP) e o conjunto está classificado como monumento nacional desde 1974.

Monumento Funerário

Outeiro das Mós

Está situado perto do terminal do elétrico da Praia das Maçãs junto do espaço de estacionamento.

O espólio deste conjunto foi preservado e pode ser visto no Museu Nacional de Arqueologia e Etnologia, Museu dos Serviços Geológicos de Portugal e no Museu Regional de Sintra.

A Planta do Tholos

Planta do Tholos da Praia das Maçãs

Este monumento funerário é composto por diversas câmaras, incluindo uma gruta artificial, que mostram que a sua construção terá ocorrido em várias fases, entre 3800 e 3000 a.C.:

1 - Câmara ocidental, com cerca de 2 m de diâmetro, escavada na rocha.
2 - Pequeno corredor, revestido, no seu lado sul, por um muro de pedra. De referir a existência de dois nichos no final deste corredor, eventualmente para receber mobiliário votivo.
3 - Câmara do tholos, com cerca de 5 a 5,5 m de diâmetro, rodeada por um muro de lajes calcárias dispostas horizontalmente. No centro possui uma cavidade onde se inseria um pilar que ajudava a sustentar o tecto da câmara.
4 - Corredor, com cerca de 3,5 de comprimento.
5 - Átrio, com 2 m de largura máxima, e muros laterais com lajes de pedra.
(Informações obtidas de / Informations from Malha Atlântica)

O Estado Atual

Este importante monumento funerário, em vez de ser arranjado e aberto ao público, está totalmente abandonado e coberto de canaviais e outras plantas, servindo principalmente como sanitários a toda a gente que ali passa.

Há alguns anos, teve uma mudança significativa. Mas não, ao contrário do que era de esperar, não foi arranjado. Foi simplesmente coberto de areia para não ser ainda mais vandalizado. Atualmente a areia está coberta de vegetação, tornando este importante conjunto pré-histórico desconhecido de todos, incluindo de quem ali mora, e transformado num monte de areia, plantas e lixo.

Classificação

O conjunto está classificado como Monumento Nacional desde 1974.

Localização

Coordenadas GPS: N 38 49.555' W 009 28.010'  (38.82592, -9.46683)

Temas / Tags

Praia das Maçãs, publicado em por