A instituição da Misericórdia instalou-se muito tarde na Batalha, remetendo-se somente ao ano de 1714, tendo como base um edifício do hospital já existente na vila desde 1427.

História

Igreja da Misericórdia

Na época, a serventia deste mesmo edifício era acolher os peregrinos e pobres.

Na verdade a ideia da afixação da Irmandade da Misericórdia na vila já estava a ser pensada conjuntamente com o Bispo D. Dinis de Melo, entre os anos de 1627 e 1636, mas só se realizou na primeira metade do século XVIII.

Igreja da Misericórdia
Igreja da Misericórdia

A simplicidade das instalações têm no janelão encimado do portal principal da Igreja a indicação da época em que este edifício foi edificado, tendo depois uma campanha de obras, na ampliação e reconstrução.

Esta campanha pôs a descoberto a existência neste local de um templo mais antigo, evidenciado no arcossólio existente na parede norte, ladeada por dois colunelos manuelinos, contendo a imagem da Virgem com o Menino, datado entre os séculos XIV e XV.

Descrição

Igreja da Misericórdia
Igreja da Misericórdia

Situada precisamente nas traseiras da Igreja Matriz, a Misericórdia mostra-nos uma fachada com linhas depuradas, em empena triangular, delimitada por cunhais rematados por pináculos.

Tem ao centro o rasgo principal de moldura reta, que é encimado por um janelão em balaustrada em cantaria, de moldura trabalhada, que se apresenta encimado pela coroa real, numa linguagem rococó do final do século XVIII. O portal é ladeada por três janelas formando um ângulo reto de cada lado, em moldura reta.

Classificação

Desde 1982, este templo religioso está classificado como Imóvel de Interesse Público.

Localização

Coordenadas GPS: N 39 39.471' W 008 49.423'  (39.65785, -8.82372)

Temas / Tags

Batalha, publicado em por