Igreja de Santa Maria de Jazente
Igreja de Santa Maria de Jazente
Igreja de Santa Maria de Jazente

Igreja de Santa Maria de Jazente, também assim denominada, é mais um templo religioso representativo do românico. Edificada nos finais do século XIII, no final do período românico, o chamado "românico de resistência", terá ascendido a Igreja Paroquial no final desse século.

Igreja Matriz de Jazente - cachorros sul

Apresenta uma planta longitudinal formada por nave e capela-mor retangulares, estando adossada a sacristia. As paredes são rasgadas por frestas para iluminação do interior. As mísulas e lacrimal mostram que em tempos existiu um alpendre. Separado desta e sendo uma das características do românico, é a posição lateral em que se situa a torre sineira.

 
Igreja Matriz - portal
Portal principal
Igreja Matriz de Jazente - porta lateral sul
Lateral sul

A fachada principal simples é rasgada pelo portal de arco ligeiramente quebrado de duas arquivoltas sem colunas com uma cruz patada vazada no tímpano, sinais da construção do românico tardio. No tímpano do portal lateral sul, semelhante ao principal, estão cinco aberturas circulares em cruz envoltas por um duplo círculo.

No lado norte existe uma porta mais recente que tem no interior uma imagem de Nossa Senhora do Rosário de Fátima.

 
Igreja de Jazente - nave
Igreja de Jazente - retábulos colaterais
Igreja de Jazente - altar-mor
Igreja de Jazente - nave
(Fotos de interior inseridas com a devida autorização da Rota do Românico)

A nave está separada da capela-mor, esta num volume bastante mais pequeno, pelo arco triunfal quebrado. As duas pilastras neste arco fazem supor que em algum momento do século XVII ou XVIII houve a intenção de aumentar o arco, obra esta que nunca foi concluída.

O arco triunfal está ladeado, no lado da nave, por dois pequenos altares com as imagens de Santa Ana, Santa Maria e o Menino Salvador do Mundo, no lado do Evangelho, e do Sagrado Coração de Jesus, no lado da Epístola, ambos de construção recente.

Igreja Matriz de Jazente - fonte
Fonte no adro da igreja

A igreja foi classificada como Imóvel de Interesse Público em 1977.

Esta igreja faz parte da Rota do Românico, sendo o número 45 do Percurso do Vale do Tâmega.

(Primeiras 3 fotos de Pedro Castro, as 4 de interior da Rota do Românico e as restantes de Fernando Dias)

Coordenadas GPS: N 41 14.636' W 008 03.492'  (41.24393, -8.05820)
Jazente, publicado em por

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Os Mais Próximos


Paço da Dona Loba
Padronelo, Amarante
(1 km NE)

Lagar Medieval do Tapado
Gondar, Amarante
(3 km NE)

Ponte Arquinho
Amarante
(3 km NW)

Igreja de Santa Maria de Gondar
Gondar, Amarante
(3 km NE)

Igreja Matriz


Igreja Matriz do Outeiro
Outeiro, Bragança

Igreja Matriz de Sejães
Sejães, Oliveira de Frades

Igreja Matriz de Castelo Rodrigo
Castelo Rodrigo, Figueira de Castelo Rodrigo

Imóvel de Interesse Público

O Românico na Europa e em Portugal

Percurso do Vale do Tâmega


Ponte Românica
Rua, Amarante

Mosteiro de São Salvador
Travanca, Amarante

Igreja de Soalhães
Soalhães, Marco de Canaveses

Rota do Românico

Santa Maria

Século XIII


Torre de Vilharigues
Paços de Vilharigues, Vouzela

Igreja de São Romão
Arões (São Romão), Fafe

Castelo de Veiros
Veiros, Estremoz

Torre Sineira

Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Portinho da Arrábida, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Ermida ou capela isolada

Estilo Maneirista

Estilo Renascentista

Mercados

Nossa Senhora da Assunção


Praias Fluviais


A Lapa dos Dinheiros
Lapa dos Dinheiros, Seia

Areinho de Avintes
Avintes, Vila Nova de Gaia

Forjães, praia da Morena
Forjães, Esposende

Rios


A ponte sobre o Tejo
Vila Velha de Ródão

Cais fluvial da Senhora da Ribeira
Seixo de Ansiães, Carrazeda de Ansiães

Capela de Santa Teresinha
Pomarão, Mértola

São Gião


Igreja Matriz de São Gião
São Gião, Oliveira do Hospital

Igreja de São Gião
Famalicão, Nazaré

Século XVI

Recentes