Igreja do Convento de Arroios
Igreja do Convento de Arroios
Igreja do Convento de Arroios

Fundado em 1705, o Convento de Arroios foi edificado com a condição de ser um Colégio Jesuítico destinado a formar padres para serem enviados para a Índia, para o que teve o apoio da rainha D. Catarina, viúva do Rei Carlos II de Inglaterra.

Contudo, a partir do ano de 1755 os jesuítas começaram a abandonar progressivamente o convento acabando por serem substituídos por freiras concepcionistas, e igualmente foi substituído o nome de Nossa Senhora da Nazaré para Nossa Senhora da Conceição de Arroios.

Depois da extinção da comunidade em 1834, só mais tarde é que o convento foi devoluto com a morte da última freira, o que aconteceu no ano de 1890. Dois anos depois o convento veio a ser anexado ao Hospital de São José, tendo as instalações sido adaptadas para receber doentes com varíola e doenças tísicas, no qual se manteve até aos anos cinquenta do século XX, começando a decair progressivamente até ao seu encerramento em 1992.

A igreja é o elemento do conjunto conventual que se conserva em melhor estado e, segundo o estilo jesuítico, o templo religioso apresenta uma planta cruciforme. A fachada principal apresenta uma certa monumentalidade com as suas três partes, em que o piso térreo é rasgado pelo portal principal em verga reta encimada de uma arquitrave sobre a qual possui um brasão de armas de Portugal e Inglaterra. Este é ladeado por duas pequenas janelas quadradas, tudo encimado por três janelas retangulares, sendo a central a maior. No remate apresenta uma estrutura tripartida de frontão axial com o central em forma de nicho albergando a imagem de Nossa Senhora da Conceição ladeado por duas torres sineiras.

Sem dúvida que merece uma atenção maior do que a classificação de Monumento de Interesse Público.

Coordenadas GPS: N 38 44.077' W 009 08.097'  (38.73462, -9.13495)

Temas / Tags

Arroios, publicado em por

 


Os Mais Próximos


Cruzeiro de Arroios
Arroios, Lisboa
(264 m SW)

Instituto Superior Técnico
Areeiro, Lisboa
(317 m NW)

Fonte Luminosa
Areeiro, Lisboa
(474 m NE)

Igreja de Nossa Senhora da Penha de França
Penha de França, Lisboa
(571 m SE)

Padrão do Campo Pequeno
Areeiro, Lisboa
(864 m NW)

Conventos e Mosteiros

Imóvel de Interesse Público


Igreja Matriz de Salvaterra do Extremo
Salvaterra do Extremo, Idanha-a-Nova

Igreja de Santa Brígida
Pedrógão, Vidigueira

Pelourinho de Raiva
Raiva, Castelo de Paiva

Capela de Santo Cristo
Caçarelhos, Vimioso

Nossa Senhora da Conceição

Século XVIII


Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Azeitão, Setúbal

Igreja de S. Simão
Azeitão, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Claustro

Ermida ou capela isolada

Igreja Matriz


A Igreja Matriz, a Albergaria
Arrifana, Vila Nova de Poiares

Antiga Igreja Matriz
Vila Pouca de Aguiar

Capela da Senhora da Soledade
Olhão da Restauração, Olhão

Capela de Nossa Senhora da Saúde de Fetais
Santo Quintino, Sobral de Monte Agraço

Navegadores


Nossa Senhora da Assunção

Povoados Pré-romanos


Castro de Lanhoso
Póvoa de Lanhoso

Citânia de Briteiros
Briteiros (São Salvador), Guimarães

Citânia de Sanfins
Sanfins, Paços de Ferreira

Citânia de Santa Luzia
Areosa, Viana do Castelo

Rios


A ponte sobre o Tejo
Vila Velha de Ródão

Barca D´Alva
Escalhão, Figueira de Castelo Rodrigo

Cais fluvial da Senhora da Ribeira
Seixo de Ansiães, Carrazeda de Ansiães

Capela de Santa Teresinha
Pomarão, Mértola

Torre Sineira


A nossa Igreja
Freches, Trancoso

Antiga Igreja Matriz
Vila Pouca de Aguiar

Antiga Matriz de Alcoentre
Alcoentre, Azambuja

Antigos Paços do Concelho
Castelo Novo, Fundão