Igreja de Santa Quitéria
Fachada frontal
Igreja de Santa Quitéria
Fachada posterior
Igreja de Santa Quitéria - interior - altar-mor
Altar-mor
Igreja de Santa Quitéria - interior - coro
Coro-alto

Ligada a culto e a uma lenda, a Igreja de Santa Quitéria é edificada nos finais do século XVIII no seio da malha urbana da vila. O culto a Santa Quitéria deve-se à invocação desta Santa contra a raiva e loucura, remontando ao século XIII quando, e de acordo com a lenda, a imagem da Santa com poderes milagrosos aparecia num espigueiro da Quinta de São Brás.

Este templo terá sido erguido no mesmo local onde se erguera uma ermida em veneração à dita Santa Quitéria. Esta edificação deve-se à confraria com o mesmo nome, sob a proteção da D. Maria I, explicando por isso o traçado deste templo, e a um dos arquitetos mais significativos da época, Mateus Vicente.

Igreja de Santa Quitéria - azulejos
Azulejos
Igreja de Santa Quitéria - azulejos
Azulejos
Igreja de Santa Quitéria - azulejos
Azulejos

A Igreja de Santa Quitéria desenvolve-se em planta de cruz latina formada por única nave, em que a fachada principal se apresenta em galilé. Esta é formada por cinco arcos de volta perfeita, três centrais e dois laterais, encimados pela mesma quantidade de janelas, também em arcos de volta perfeita. Um friso está a separar da finalização de um frontão curvilíneo com um óculo quadrilobado no tímpano, ladeados por torres sineiras de remate bolboso.

O interior com uma só nave, com panos murários em cantaria, são ritmados por pilastras que enquadram os diversos altares, abertos em arcos de volta perfeita. Os retábulos são em mármore e exibem telas de diversas representações. No coro-alto, de planta contracurvada e limitado por balaustrada, encontra-se o orgão. A capela-mor exibe um retábulo de mármore e os panos murários são abertos por portas de frontão triangular e janelas.

Está classificado desde 1949, como Imóvel de Interesse Público

Coordenadas GPS: N 39 04.954' W 009 02.078'  (39.08257, -9.03463)

Temas / Tags

Meca, publicado em por

 


Os Mais Próximos


Igreja de Nossa Senhora da Encarnação
Olhalvo, Alenquer
(3 km NW)

Junta de Freguesia de Olhalvo
Olhalvo, Alenquer
(3 km NW)

Coreto de Olhalvo
Olhalvo, Alenquer
(3 km NW)

Judiaria
Alenquer
(4 km SE)

Igreja Matriz


Igreja Matriz de Ifanes
Ifanes, Miranda do Douro

Mosteiro de São Martinho de Cucujães
Vila de Cucujães, Oliveira de Azeméis

Igreja Matriz de Ázere
Ázere, Arcos de Valdevez

Igreja Matriz de São Julião de Montenegro
São Julião de Montenegro, Chaves

Sé Catedral de Idanha-a-Velha
Idanha-a-Velha, Idanha-a-Nova

Imóvel de Interesse Público


Igreja Matriz de São Bartolomeu de Messines
São Bartolomeu de Messines, Silves

Igreja Matriz de Malhadas
Malhadas, Miranda do Douro

Santa Quitéria


Santuário de Santa Quitéria
Santa Quitéria, Arganil

Capela de Santa Quitéria
Aveiras de Cima, Azambuja

Paços do Concelho
Mondim de Basto

Século XVIII


Torre Sineira


Igreja Matriz de Pussos
Pussos, Alvaiázere

Igreja Matriz de Sendim
Sendim, Miranda do Douro

Igreja Matriz de Paradela
Paradela, Miranda do Douro

Igreja Matriz de Fataunços
Fataunços, Vouzela

Igreja Matriz de São Martinho de Candoso
Candoso (S. Martinho), Guimarães

Órgão de Tubos

Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Azeitão, Setúbal

Igreja de S. Simão
Azeitão, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Ermida ou capela isolada

Estilo Gótico


Estilo Manuelino

Fontes


Alminhas
Sabuzedo, Montalegre

Casa da Água
Cabo Espichel, Sesimbra

Chafariz D. João V
Alpedrinha, Fundão

Marcos Miliários


Geira
Campo do Gerês, Terras de Bouro

Marco Miliário
Reigoso, Montalegre

Marco Miliário
Viade de Baixo, Montalegre

Marco Miliário XII
Oliveira de Azeméis

Marco Miliário ou Cruzeiro de S. João do Campo
Campo do Gerês, Terras de Bouro

Monumento Nacional


Anta da Agualva
Agualva-Cacém, Sintra

Anta da Barrosa
Vila Praia de Âncora, Caminha

Anta de Santa Marta
Santa Marta, Penafiel

São Domingos de Gusmão


São João Batista

São Pedro

Século XIX