Santuário do Senhor Jesus da Pedra
Exterior do Santuário
Santuário do Senhor Jesus da Pedra
Exterior do Santuário
Santuário do Senhor Jesus da Pedra - Interior
Interior esquerda
Santuário do Senhor Jesus da Pedra - Interior
Interior centro
Santuário do Senhor Jesus da Pedra - Interior
Interior direira
Santuário do Senhor Jesus da Pedra - Interior
Interior, coro

Segundo a tradição, a Rainha D. Leonor teria colocado uma cruz de pedra com a imagem esculpida de Cristo crucificado no caminho para as águas curativas de Caldas. Esta cruz, num terreno da Colegiada de Santa Maria de Óbidos junto da estrada entre Óbidos e Caldas da Rainha, seria motivo de veneração, mas depois caiu no esquecimento.

Conta a lenda que um lavrador, na década de 1730, havendo na região uma seca prolongada, foi chamado por essa escultura que lhe pediu veneração. Tendo o lavrador cumprido o pedido, em conjunto com outros populares, ocorreram as desejadas chuvas a partir deste momento. Foi construída uma pequena capela de madeira para guardar a cruz que hoje está exposta no altar-mor do Santuário. Para ter o significado de centro de peregrinação o local é um pouco afastado da vila de Óbidos, num local ermo.

Em 1737 foi feita uma oferta da primeira moeda da esmola, um símbolo para que fosse construído um santuário em substituição da capela, cuja primeira pedra foi lançada em 1740. O santuário seria dedicado a S. Tomé Apóstolo. Em 1742 o rei D. João V iniciou tratamentos no hospital de Caldas da Rainha, visitando assim regularmente esta imagem do Senhor Jesus da Pedra, à qual dava grandes quantias monetárias. Esta ajuda permitiu o avanço das obras de construção do santuário, sendo iniciadas em 1747 as solenidades da sua inauguração.

Estátua de S. Paulo
Nicho de
S. Paulo
Estátua de S. Mateus
Nicho de
S. Mateus
Estátua de S. Marcos
Nicho de
S. Marcos
Estátua de S. Tiago
Nicho de
S. Tiago
Estátua de S. Tomé
Nicho de
S. Tomé
Estátua de S. Lucas
Nicho de
S. Lucas
Estátua de S. João
Nicho de
S. João
Estátua de S. Pedro
Nicho de
S. Pedro

Em 1751 foi concluída a abóbada de cantaria da torre do lado norte e em 1764 foram criadas as imagens dos Apóstolos pelo escultor Joaquim da Silva Coelho.

A igreja, em estilo barroco, tem uma forma original. O seu interior é de planta hexagonal, estando inscrita numa construção circular. Tem anexos três corpos que correspondem às torres e à sacristia.

Na frente da igreja destaca-se o portal em arco perfeito sobreposto por uma janela também em arco perfeito, que por sua vez está sobreposta por outra janela idêntica, invertida. Este conjunto é ladeado por duas janelas de cada lado, sobrepostas, sendo a superior igualmente invertida, e uma janela mais pequena, elíptica. O conjunto de janelas direita e invertida repete-se ao redor de toda a igreja. As torres são de três pisos, sendo o térreo composto por um arco, o segundo piso por uma janela idêntica à do corpo principal da igreja e um terceiro piso de janelas retangulares.

O interior é composto por três capelas, a capela-mor do Calvário e as capelas laterais de Nossa Senhora da Conceição e da Morte de São José. Na principal podemos apreciar uma tela de André Gonçalves e nas laterais as telas de José da Costa Negreiros.

Este templo nunca foi terminado, faltando as varandas entre as janelas das quais existem apenas as bases. Faltam também os carrilhões nas torres, que seriam semelhantes aos do Convento de Mafra.

No exterior da igreja podemos também apreciar uma espetacular fonte de espaldar, em estilo rococó, infelizmente num estado um pouco degradado.

Fonte
Fonte no recinto
Fonte
Fonte
Fonte - pormenor
Pormenor da Fonte

Este santuário está classificado como Monumento de Interesse Público.

Coordenadas GPS: N 39 21.866' W 009 09.005'  (39.36443, -9.15008)

Temas / Tags

Óbidos, publicado em por

 


Os Mais Próximos

Estilo Barroco

Igreja Matriz de São Luís de Pias
Igreja Matriz de São Luís
Pias, Ferreira do Zêzere
Igreja Matriz de Mata de Lobos
Igreja Matriz de Mata de Lobos
Mata de Lobos, Figueira de Castelo Rodrigo

Estilo Rococó

Fontes

Imóvel de Interesse Público


Santuário

Senhor Jesus

Igreja Matriz de Roge
Igreja Matriz de Roge
Macieira de Cambra, Vale de Cambra
Capela Senhor do Bonfim
Capela do Senhor do Bonfim
Carreço, Viana do Castelo
Capela de Santo Cristo
Capela de Santo Cristo
Carviçais, Torre de Moncorvo

Século XVIII

Capela de Nossa Senhora do Desterro
Capela de Nossa Senhora do Desterro
Sapataria, Sobral de Monte Agraço
Cruzeiro de Carreço
Cruzeiro de Carreço
Carreço, Viana do Castelo

Os Mais Vistos

Lapa de Santa Margarida
Lapa de Santa Margarida
Azeitão, Setúbal
Igreja de S. Simão
Igreja de S. Simão
Azeitão, Setúbal
Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho
Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Bibliotecas


Cruzeiros

Estilo Gótico

Fortes e fortalezas

Igreja Matriz

Igreja Matriz de Arrifana
A Igreja Matriz, a Albergaria
Arrifana, Vila Nova de Poiares
Antiga Igreja Matriz
Antiga Igreja Matriz
Vila Pouca de Aguiar
Capela da Senhora da Soledade
Capela da Senhora da Soledade
Olhão da Restauração, Olhão
Capela de Nossa Senhora da Saúde de Fetais
Capela de Nossa Senhora da Saúde de Fetais
Santo Quintino, Sobral de Monte Agraço

O Românico na Europa e em Portugal

Antigos Paços do Concelho
Antigos Paços do Concelho
Castelo Novo, Fundão
Capela das Almas
Capela das Almas
Viana do Castelo
Capela de Fandinhães
Capela de Fandinhães
Paços de Gaiolo, Marco de Canaveses

Parque de Merendas

Capela de Nossa Senhora das Neves
Capela de Nossa Senhora das Neves
Avelãs de Cima, Anadia
Capela de S. Sebastião
Capela de S. Sebastião
Rabal, Bragança
Capela de Santa Eulália
Capela de Santa Eulália
São Julião de Palácios e Deilão, Bragança

Pelourinhos

Pelourinho de Castelo Bom
Pelourinho
Castelo Bom, Almeida
Pelourinho de Castelo Mendo
Pelourinho
Castelo Mendo, Almeida