Já em 960 o Castelo de Numão marcava a sua presença documentada, quando foi doado pela D. Chamôa Rodrigues ao Convento de Guimarães, através da sua tia Condessa Mumadona.

História

Castelo de Numão
Castelo de Numão
Castelo de Numão
Castelo de Numão
Castelo de Numão
Castelo de Numão
Porta do Castelo
Porta do Castelo

Também serviu de palco aos Mouros, segundo alguns Numão terá sido reconquistado por Fernando I, o Magno, de Leão, em 1055. Entretanto com as investidas dos Árabes, acreditava-se que a Vila de Numão teria ficado ao abandono, mas D. Fernão Mendes de Bragança e seus filhos dão-lhe o primeiro foral.

Castelo de Numão
Castelo de Numão
Castelo de Numão - interior
Interior do Castelo
Castelo de Numão - interior
Interior do Castelo
Castelo de Numão - interior
Interior do Castelo

Com estas guerras todas, o Castelo primitivo deve ter sofrido bastante, levando a que nele se realizassem obras de melhoramento em 1189 no reinado de D. Sancho I.

Em 1247, pelas mãos de D. Afonso, Lopes de Baião torna-se representante régio do Castelo, ficando assim a exercer funções de caráter administrativo e militar. Continuando a sua existência, e por isso, para a conservação do Castelo, D. Dinis manda-o reconstruir em 1285.

Em 1512, com tantas histórias de que este Castelo foi palco, D. Manuel concede-lhe a carta de foral nova, isto numa época em que Numão estaria com uma população de 300 moradores.

Descrição

Porta do Castelo
Porta do Castelo
Castelo de Numão - interior
Interior do castelo
Castelo de Numão - interior da torre
Interior da torre
Castelo de Numão - cisterna
Cisterna

De planta de configuração irregular, quase não apresenta ameias, possui três portas (a do Poente, a do Arco e a de S. Pedro), torre de Menagem e quatro torres. Integra, intra-muros, ruínas da Igreja Românica de Santa Maria.

Classificação

Este monumento foi dos primeiros a tornar-se Monumento Nacional, em 1910.

Localização

Coordenadas GPS: N 41 05.961' W 007 17.480'  (41.09935, -7.29133)

Temas / Tags

Numão, publicado em por

 


Os Mais Próximos


Igreja Matriz de Olas
Olas, São João da Pesqueira
(4 km NW)

Igreja Nova de Horta do Douro
Horta, Vila Nova de Foz Côa
(4 km SW)

Pelourinho de Horta do Douro
Horta, Vila Nova de Foz Côa
(4 km SW)

Igreja Matriz de Horta
Horta, Vila Nova de Foz Côa
(4 km SW)

Estação Arqueológica de Prazo
Freixo de Numão, Vila Nova de Foz Côa
(5 km SE)

Castelos

Monumento Nacional


Igreja de Santo Estêvão
Santa Maria Maior, Lisboa

Igreja Matriz de São Martinho de Candoso
Candoso (S. Martinho), Guimarães

Cruzeiro de São Marcos
São Silvestre, Coimbra

Portas da Cidade ou do Castelo


Castelo de Castelo Mendo
Castelo Mendo, Almeida

Cais das Colunas
Santa Maria Maior, Lisboa

Século X


Igreja de Santa Eulália
Rio Covo (Santa Eulália), Barcelos

Mosteiro de Paço de Sousa
Paço de Sousa, Penafiel

Sepultura Antropomórfica
Genísio, Miranda do Douro

Igreja de Soalhães
Soalhães, Marco de Canaveses

Torre de Menagem ou de Vigia

Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Azeitão, Setúbal

Igreja de S. Simão
Azeitão, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Estilo Manuelino

Fontes


Alminhas
Sabuzedo, Montalegre

Casa da Água
Cabo Espichel, Sesimbra

Chafariz D. João V
Alpedrinha, Fundão

Memoriais


Campo da Ataca
São Torcato, Guimarães

Cruzeiro Memorial Histórico
Vermiosa, Figueira de Castelo Rodrigo

Museus e Galerias de Exposição

Nossa Senhora da Conceição

Santuário


Ermida de Nossa Senhora de Ara-Celli
São Marcos da Ataboeira, Castro Verde

Santuário Rupestre de Panoias
Vale de Nogueiras, Vila Real

Santuário da Senhora da Orada
Pinheiro, Vieira do Minho

Século XIII

Século XVIII


Torre Sineira


A nossa Igreja
Freches, Trancoso

Antiga Igreja Matriz
Vila Pouca de Aguiar

Antiga Matriz de Alcoentre
Alcoentre, Azambuja

Antigos Paços do Concelho
Castelo Novo, Fundão