Conhecida também como Igreja de Nossa Senhora dos Anjos, foi construída no terceiro quartel do século XVI, estando a obra de reedificação concluída possivelmente em 1565, embora haja referências documentais da existência de um Templo em Almendra por volta de 1320.

Entretanto, com a passagem dos séculos, esta igreja veio a sofrer alterações como a estrutura do edifício, nomeadamente o interior, com a edificação de capelas laterais.

Igreja Matriz - interior
Igreja Matriz - Altar-mor

Templo maneirista, de planta longitudinal, é formada por três naves rectangulares e capela-mor quadrangular, esta com contrafortes exteriores e remate em platibanda com gárgulas de canhão formando uma espécie de torreão.

Igreja Matriz
Igreja Matriz

A fachada principal, de linhas sóbrias e gosto erudito, é rasgado ao centro por portal de volta perfeita enquadrado em alfiz com pilastras e rematado por frontão triangular com medalhão ao centro, onde foi gravada a data de 1565. Este conjunto é ladeado por dois contrafortes e encimado por óculo. Do lado direito da fachada foi edificada a torre sineira.

Nas fachadas laterais foram abertos dois portais de volta perfeita que permitem o acesso às naves laterais, de estrutura igual, enquadrados em alfiz, ladeados por colunelos e encimados por frontão.

Igreja Matriz - púlpito

No interior, as naves dividem-se em quatros tramos marcados por arcos de volta perfeita que assentam sobre colunas, sendo a nave central coberta por abóbada de madeira e as laterais por abóbada de aresta.

Possui púlpito de talha e presbitério com teia de madeira. O arco triunfal de volta perfeita abre para a capela-mor, cujo espaço é coberto por abóbada estrelada. Ao fundo foi edificado retábulo de talha dourada e policromada, de estilo rococó.

Desde 1949, este templo religioso está classificado como Imóvel de Interesse Público.

Coordenadas GPS: N 41 00.056' W 007 03.477'  (41.00093, -7.05795)

Temas / Tags

Almendra, publicado em por

 


Os Mais Próximos


Capela de Nossa Senhora do Socorro
Almendra, Vila Nova de Foz Côa
(58 m NE)

D. Manuel I
Almendra, Vila Nova de Foz Côa
(167 m E)

Pelourinho de Almendra
Almendra, Vila Nova de Foz Côa
(175 m E)

Capela de Nossa Senhora da Misericórdia
Almendra, Vila Nova de Foz Côa
(317 m SE)

Solar de Visconde de Almendra
Almendra, Vila Nova de Foz Côa
(321 m E)

Igreja Matriz


Igreja Matriz de Malhadas
Malhadas, Miranda do Douro

Igreja Matriz de Deilão
Deilão, Bragança

Igreja Matriz de Mourilhe
Mourilhe, Montalegre

Igreja Paroquial de Santa Maria
Geraz do Lima, Viana do Castelo

Imóvel de Interesse Público


Igreja de Nossa Senhora dos Anjos
Escalhão, Figueira de Castelo Rodrigo

Pelourinho de Larim
Soutelo, Vila Verde

Nossa Senhora dos Anjos


Forte de Paimogo
Paimogo, Lourinhã

Igreja de Nossa Senhora dos Anjos
Escalhão, Figueira de Castelo Rodrigo

Igreja de Nossa Senhora dos Anjos
Vila Verde dos Francos, Alenquer

Século XVI


Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Portinho da Arrábida, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Igreja de S. Simão
Vila Fresca de Azeitão, Setúbal

Conventos e Mosteiros

Câmara Municipal

Estilo Gótico

Jardins e Parques Verdes


O Românico na Europa e em Portugal


Antigos Paços do Concelho
Castelo Novo, Fundão

Capela das Almas
Viana do Castelo

Capela de Fandinhães
Paços de Gaiolo, Marco de Canaveses

Palácios

Percurso do Vale do Tâmega


Igreja Matriz de Jazente
Jazente, Amarante

Igreja de Mancelos
Mancelos, Amarante

Igreja de S. Nicolau
São Nicolau, Marco de Canaveses

Pontes Modernas


Antiga ponte da linha férrea
Jerusalém do Romeu, Mirandela

Pilares da Ponte Pênsil
São Nicolau, Porto

São Gonçalo