Arco de Repouso

É uma das portas de acesso as muralhas medievais. Datado dos séculos XII e XIII, remonta ao tempo da dinastia almoada. A reconquista cristã deu um impulso para que os árabes reforçassem com duas torres albarrãs, com entradas laterais, de modo a facilitar a defesa da cidade e a tornar difícil o acesso do inimigo.

O nome do Arco de Repouso está relacionado com duas lendas, sendo a primeira em que as tropas de D. Afonso III, após terem tomado a cidade, repousaram neste sitio. A segunda lenda diz-nos que uma princesa moura, filha do governador árabe, se apaixonou por um cavaleiro do exército romano, aqui foi enfeitiçada pelo seu pai e aqui repousa.

Coordenadas GPS: N 37 00.806' W 007 55.989'  (37.01343, -7.93315)

Temas / Tags

Faro, publicado em por

 

Comentar


Código de segurança
Atualizar


Os Mais Próximos

Portas da Cidade ou do Castelo


Alminhas da Ponte
São Nicolau, Porto

Cais das Colunas
Santa Maria Maior, Lisboa

Calçada Romana
Sortelha, Sabugal

Século XII


Igreja de São Cristóvão da Nogueira
São Cristóvão da Nogueira, Cinfães

Termas de São Pedro do Sul
Termas, São Pedro do Sul

Castelo de Germanelo
Rabaçal, Penela

Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Portinho da Arrábida, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Ermida ou capela isolada


Imóvel de Interesse Público

Monumento Nacional


Anta da Agualva
Agualva-Cacém, Sintra

Anta da Barrosa
Vila Praia de Âncora, Caminha

Anta de Santa Marta
Santa Marta, Penafiel

O Românico na Europa e em Portugal


Antigos Paços do Concelho
Castelo Novo, Fundão

Capela das Almas
Viana do Castelo

Capela de Fandinhães
Paços de Gaiolo, Marco de Canaveses

Senhor Jesus


Alto do Senhor da Boa Morte
Povos, Vila Franca de Xira

Basílica da Estrela
Estrela, Lisboa

Bom Jesus das Mós
Carvalheira, Terras de Bouro

Capela Corpo de Deus
Pinhão, Oliveira de Azeméis

Século XIX


Século XVII