Pelourinho de Vila Flor
Pelourinho de Vila Flor

Vila Flor com duas cartas de foral, a primeira concedida por D. Dinis em 1286 e a segunda por D. Manuel, só entre os séculos XVII e XVIII é que surgiu na vila supostamente o primeiro pelourinho, porque se acredita que tenha existido um na época medieval.

Símbolo de poder e autonomia judicial, o pelourinho situa-se no centro da vila. Está assente num soco de três degraus quadrados, encimado por um prisma quadrangular que suporta a base da coluna de igual formato. Desta arranca o fuste octogonal com um capitel lavrado com motivos vegetalistas, brasão com a flor de liz e coroa, sobrepujado por pináculo decorado com elementos florais.

O pelourinho está classificado como Imóvel de Interesse Público.

Coordenadas GPS: N 41 18.418' W 007 09.154'  (41.30697, -7.15257)

Temas / Tags

Vila Flor, publicado em por

 


Os Mais Próximos


Rainha Santa Isabel
Vila Flor
(104 m NW)

Igreja da Misericórdia
Vila Flor
(111 m E)

Arco D. Dinis
Vila Flor
(116 m SE)

Imóvel de Interesse Público

Pelourinhos

Século XVII

Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Azeitão, Setúbal

Igreja de S. Simão
Azeitão, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Estilo Renascentista

Estilo Rococó

Monumento Nacional


Anta da Agualva
Agualva-Cacém, Sintra

Anta da Barrosa
Vila Praia de Âncora, Caminha

Anta de Santa Marta
Santa Marta, Penafiel

Pontes Medievais


Ponte Centenária
Arcos de Valdevez

Ponte Medieval
Gafanha da Nazaré, Ílhavo

Ponte Medieval
Cabreiro, Arcos de Valdevez

São Sebastião


Capela de Nossa Senhora da Saúde
Santa Maria Maior, Lisboa

Capela de S. Sebastião
São Julião de Palácios e Deilão, Bragança

Capela de S. Sebastião
Rabal, Bragança

Século XIV

Século XV

Século XVI

Século XVIII

Torre de Menagem ou de Vigia