Paço dos Távoras

Situado na parte alta da cidade, este monumental edifício é o ex-libris da cidade. O Paço, pertencente à Família Távora, vem traduzir o prestígio e poder que esta família gozava em todos os campos da sociedade, tanto na cidade como em toda a região. Todos estes privilégios foram concedidos pelos monarcas de então.

Este magnífico paço está indicado como sendo do séc. XVIII, mas a residência, muito mais antiga e pertencente a uma torre medieval adaptada, veio a ser destruída numa tentativa de o edifício ser mais consentâneo com as necessidades da família. Sobre este edifício, as informações são praticamente nulas, somente um documento da instituição do morgado de 1536, mostrando que nesse ano a casa já existia.

Luís de Távora, em 1709, teve a iniciativa de fazer uma grande intervenção na fachada do edifício, e contratou mestres canteiros residentes em Mirandela para acelerar os trabalhos, que tiveram o seu término em 1711.

A fachada é composta por três panos de três registos, sendo os dois laterais iguais e com dois pisos, e o central em formato de torre, formando três pisos. O primeiro piso é composto por três portas, uma em cada pano, que correspondem à janela central do segundo piso. Estas são formadas por frontões semicirculares e de enrolamentos, sendo os corpos laterais rematados por aletas a enquadrar um rosetão central e pináculos de estrias sobre as pilastras de cunhais.

No terceiro piso, respeitante à parte central mais elevada, apresenta janelas de molduras decoradas e o remate central é constituído por aletas e por uma cartela onde se situava o brasão de armas dos Távoras.

A imponência deste edifício acabou por cair em desgraça na segunda metade do século XVIII, mais concretamente em 1758, juntamente com a Família Távora que foi acusada de tentativa de regicídio, tendo o brasão da família sido picado. Foi adquirido pela Câmara Municipal em 1890, que ali está instalada desde 1912.

Este Imóvel está classificado de Interesse Público.

Coordenadas GPS: N 41 29.122' W 007 10.918'  (41.48537, -7.18197)

Temas / Tags

Mirandela, publicado em por

 


Os Mais Próximos


Igreja Matriz de Mirandela
Mirandela
(46 m SW)

Igreja da Misericórdia
Mirandela
(79 m N)

Castelo de Mirandela
Mirandela
(79 m W)

Capela de São Miguel
Mirandela
(152 m E)

Ponte Velha
Mirandela
(153 m W)

Imóvel de Interesse Público

Palácios


Palácio da Mitra
Marvila, Lisboa

Entrada do Paço
Figueiredo das Donas, Vouzela

Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Portinho da Arrábida, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Igreja de S. Simão
Vila Fresca de Azeitão, Setúbal

Ermida ou capela isolada


Fontes


Alminhas
Sabuzedo, Montalegre

Casa da Água
Cabo Espichel, Sesimbra

Chafariz D. João V
Alpedrinha, Fundão

Monumento Nacional


Anta da Agualva
Agualva-Cacém, Sintra

Anta da Barrosa
Vila Praia de Âncora, Caminha

Anta de Santa Marta
Santa Marta, Penafiel

Percurso do Vale do Douro


Capela de Fandinhães
Paços de Gaiolo, Marco de Canaveses

Igreja Matriz de São Martinho de Mouros
São Martinho de Mouros, Resende

Igreja de Santa Maria Maior
Tarouquela, Cinfães

Pontes Medievais


Ponte Centenária
Arcos de Valdevez

Ponte Medieval
Gafanha da Nazaré, Ílhavo

Ponte Medieval
Cabreiro, Arcos de Valdevez

Ruínas Romanas


Balneário Termal Romano
Longroiva, Mêda

Cidade Romana Ammaia
São Salvador da Aramenha, Marvão

Cidade Romana de Tongóbriga
Freixo, Marco de Canaveses

Sepulturas


Alto do Senhor da Boa Morte
Povos, Vila Franca de Xira

Arcas Tumulares
Cete, Paredes

Estação arqueológica
Alcalar, Portimão

Igreja de Santa Maria
Verim, Póvoa de Lanhoso

Século XVI

Século XVII