Todo o conjunto da Igreja da Misericórdia, hospital e um lar deve-se a uma construção do século XVI que teve a sua origem na edificação de um Convento da Ordem dos Capuchos.

História

Igreja da Misericórdia - Fachada
Fachada da Igreja
Igreja da Misericórdia - Fachada
Fachada
Igreja da Misericórdia - Hospital
Hospital

Este conjunto, ao contrário da maior parte dos conjuntos conventuais masculinos e femininos, com a extinção das ordens religiosas acabaria a ser entregue à Instituição da Misericórdia de Barcelos, devido à intervenção do Visconde de Leiria que era natural de Barcelinhos.

A transferência da Misericórdia deu-se em 1838, deixando as antigas instalações no edifício dos Paços do Concelho, incluindo a trasladação dos corpos depositados naquela igreja, para o novo cemitério da Santa Casa da Misericórdia. Os edifícios, incluindo a igreja, passaram de comum acordo aos edifícios camarários, sendo mais tarde a igreja dessacralizada em 1846.

No entanto as novas instalações permitiram espaços disponíveis que foram aproveitados, e assim este conjunto, com o decorrer dos anos, foi-se ajustando às conveniências da época. Por exemplo, nos finais do século XIX, no lado esquerdo da igreja, teve lugar o Asilo dos Inválidos, projeto manifestado pela Irmandade em 1818. Na primeira década do século XX procedeu-se à ampliação do número de enfermarias do hospital.

Na continuação de caridade sob alçada da S.C.M., e com instalações propícias, tentaram no decorrer do século XX abrir espaços como uma cozinha económica, uma creche, entre outros, no âmbito de proteger os mais desfavorecidos económica, física e educacionalmente.

Descrição

Ao centro deste corpo retangular encontra-se a igreja, de planta longitudinal de nave única e capela-mor. A fachada delimitada por pilastras apresenta três rasgos em arcos de volta perfeita dando acesso à nártex, encimada pelo brasão da Misericórdia e por três nichos com imagens. O remate é feito em frontão contracurvado, possuindo ao centro um nicho com uma imagem. É ladeado por dois pináculos.

Igreja - Nave e capela-mor
Nave e capela-mor
Igreja - Nave e coro
Nave e coro
Igreja - Capela-mor
Capela-mor

No interior, a nave é formada por um coro-alto com acesso ao órgão ali existente, duas janelas e dois púlpitos laterais e dois altares colaterais. A passagem para a capela-mor é feita através de um arco de volta perfeita com o escudo real. A capela-mor apresenta um retábulo barroco, na mistura entre o branco e dourado.

Localização

Este conjunto está situado no lado nordeste do Campo da República ou Campo da Feira, no centro histórico de Barcelos.

Coordenadas GPS: N 41 31.991' W 008 37.021'  (41.53318, -8.61702)

Temas / Tags

Barcelos, publicado em por

 


Os Mais Próximos


Igreja de Bom Jesus da Cruz
Barcelos
(256 m SW)

Casa dos Beça Meneses
Barcelos
(259 m W)

Coreto de Barcelos
Barcelos
(260 m NW)

Igreja e Hospital da Misericórdia

Século XVI

Órgão de Tubos

Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Portinho da Arrábida, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Claustro

Ermida ou capela isolada

Igreja Matriz


A Igreja Matriz, a Albergaria
Arrifana, Vila Nova de Poiares

Antiga Igreja Matriz
Vila Pouca de Aguiar

Capela da Senhora da Soledade
Olhão da Restauração, Olhão

Capela de Nossa Senhora da Saúde de Fetais
Santo Quintino, Sobral de Monte Agraço

Pelourinhos


Pelourinho
Castelo Bom, Almeida

Pelourinho
Castelo Mendo, Almeida

Pelourinho
Terena, Alandroal

Percurso do Vale do Tâmega


Igreja Matriz de Jazente
Jazente, Amarante

Igreja de Mancelos
Mancelos, Amarante

Igreja de S. Nicolau
São Nicolau, Marco de Canaveses

Sé Catedral

Século XII

Século XVII

Torre Sineira


A nossa Igreja
Freches, Trancoso

Antiga Igreja Matriz
Vila Pouca de Aguiar

Antiga Matriz de Alcoentre
Alcoentre, Azambuja

Antigos Paços do Concelho
Castelo Novo, Fundão

Torre de Menagem ou de Vigia