A construção foi pronunciada no ano de 1268, nos finais do reinado D. Afonso III. Contudo o início do Convento de São Francisco aconteceu oitenta anos depois, mais concretamente em 1348, com o apoio da nobreza local e do rei D. Dinis.

Construção e Modificações

Convento de São Francisco
Fachada e Largo

A construção foi pronunciada no ano de 1268, nos finais do reinado D. Afonso III. Contudo o início do Convento de São Francisco aconteceu oitenta anos depois, mais concretamente em 1348, com o apoio da nobreza local e do rei D. Dinis.

Entretanto viria a sofrer alterações ao longo dos séculos pelo que são visíveis elementos de diferentes estilos de arquitetura. Do período gótico mantém a chamada Capela/Sala dos Túmulos, uma capela funerária construída no século XV, considerada por algumas pessoas como um dos mais interessantes góticos do País.

Destruição e Recuperação

Já no século XIX, com a extinção das Ordens Religiosas, o conjunto eclesiástico não escapou à fúria destruidora de então, tendo o convento sido transformado em quartel militar. Coube à igreja várias funções, como uma barbearia, um celeiro, e com os túmulos ali existentes a servir de bebedouros para os animais.

Atualmente o convento está convertido numa pousada, em que tiveram o cuidado em restaurar a sala dos túmulos, aproveitando aqueles que restaram, assim como o restante recheio.

Este convento está situado fora das muralhas medievais, junto da via que ligava Beja a Mértola.

Classificação

Está classificado como Imóvel de Interesse Público.

Localização

Coordenadas GPS: N 38 00.768' W 007 51.659'  (38.01280, -7.86098)

Referências

Temas / Tags

Beja, publicado em por

 


Os Mais Próximos

Conventos e Mosteiros

Estilo Gótico

Imóvel de Interesse Público


Cruzeiro de Arroios
Arroios, Lisboa

Mosteiro de Santa Maria do Bouro
Bouro de Santa Maria, Amares

Castelo Velho
Freixo de Numão, Vila Nova de Foz Côa

Fortaleza do Outeiro
Outeiro, Bragança

São Francisco de Assis


Século XIV


Chafariz dos Canos
Torres Vedras

Torre de Pedro Sem
Massarelos, Porto

Torre de Lapela
Troporiz e Lapela, Monção

Os Mais Vistos


Lapa de Santa Margarida
Portinho da Arrábida, Setúbal

Ermida de Nossa Senhora da Lapa
Soutelo, Vieira do Minho

Igreja de S. Simão
Vila Fresca de Azeitão, Setúbal

Ponte das Três Entradas
Ponte das Três Entradas, Oliveira do Hospital

Ermida ou capela isolada

Estilo Maneirista

Igreja Matriz


A Igreja Matriz, a Albergaria
Arrifana, Vila Nova de Poiares

Antiga Igreja Matriz
Vila Pouca de Aguiar

Capela da Senhora da Soledade
Olhão da Restauração, Olhão

Capela de Nossa Senhora da Saúde de Fetais
Santo Quintino, Sobral de Monte Agraço

Pontes Romanas


Ponte Romana
Idanha-a-Velha, Idanha-a-Nova

Ponte Romana
Vide, Seia

Ponte Romana
Aldeia da Ponte, Sabugal

Ponte Romana
Vermiosa, Figueira de Castelo Rodrigo

Solares


Alto do Senhor da Boa Morte
Povos, Vila Franca de Xira

Antigos Paços do Concelho
Vila de Prado, Vila Verde

Casa Senhorial
Bornes, Macedo de Cavaleiros

São Bartolomeu


Capela de Santo Cristo
Caçarelhos, Vimioso

Capela de São Bartolomeu
Ifanes, Miranda do Douro

Capela de São Bartolomeu
Malhadas, Miranda do Douro

Convento do Grilo
Beato, Lisboa

Século XVI

Século XVIII