Século XVI

O Século XVI marcou o desenvolvimento da civilização ocidental. Portugal fez a maior exploração dos oceanos e das regiões asiáticas e africanas e deu a conhecer o Novo Mundo. Criaram-se as colónias portuguesas e espanholas e abriu-se o comércio marítimo através do Oceano Pacífico e do Índico. Nas artes assiste-se ao desenvolvimento do estilo maneirista e principalmente do estilo manuelino, com exemplos representativos em muitos monumentos portugueses.

  • Edificado sobre uma elevação calcária, num castro pré-romano, o Castelo de Moura foi reconstruído em 1295 a mando de D. Dinis.
  • O Castelo, Forte ou Fortaleza de São Felipe resulta de um projeto de fortificação, do século XIV, para defesa da burgo de Setúbal e da entrada do rio Sado.
  • O Centro Ciência Viva de Estremoz está instalado no Convento das Maltezas, na Praça Marquês de Pombal.
  • Em 1553, quando o chafariz existente deixou de ter capacidade de satisfazer as necessidades da população foi corrigida a situação contratando o homem que na altura marcava o seu traço nas fontes da...
  • Com uma inscrição de 1704, esta fonte é datada do século XVI, havendo a possibilidade de ter sido restaurada no ano indicado na inscrição.
  • O Chafariz de São Marcos foi construído nos finais do século XVI para abastecimento de água à cidade.
  • Situado no Jardim ou Largo do Carmo, o Chafariz Renascentista, do séc. XVI, com três taças, enquadra-se com os Palácios e Convento do Carmo.
  • Este chafariz maneirista construído em 1575 situa-se na Praça de Santa Maria em frente da Igreja Matriz da vila de Óbidos.
  • No centro histórico da cidade, bem acima da muralha, está o Antigo Convento dos Eremitas de Santo Agostinho. Fundado por este mesmo Santo, foi construído onde se situava a Judiaria, em 1542.
  • Com 500 anos de História, foi o maior edifício conventual do Algarve e o único da Ordem de Cister em toda a região. A construção deve-se a D. Manuel I, como agradecimento da vitória em Arzila.
  • Também conhecido como antigo Convento de Nossa Senhora do Loreto, este edifício serviu de quartel e hospital militar e atualmente é a Igreja Matriz.
  • Destruído pelo terramoto de 1858, são ainda visíveis as ruínas do antigo convento quinhentista. Este Convento de Frades Arrábidos foi criado pelo Infante D. Luís em 1542.
  • Datado do séc. XVI, as obras da igreja e do convento foram terminadas pela Rainha D. Catarina. Sobre uma antiga judiaria, é um exemplo da arte renascentista no Algarve.
  • Com origem numa antiga ermida ali existente desde 1400, em honra da Nossa Senhora da Caridade, edificou-se em 1571 no mesmo local o convento, mantendo a invocação.
  • Este convento foi edificado no reinado de D. Filipe II de Portugal na sequência testamentária da Infanta D. Maria.
  • Este convento teve a sua edificação em 1548, vindo mais tarde a sofrer de um problema de insalubridade.
  • Foi aqui fundada uma pequena ermida em 1407, sendo o atual Convento de Nossa Senhora da Luz construído entre 1574 e 1596 pelos frades da Ordem de São Paulo, que então tinham a sede no Convento de...
  • O célebre Convento de Nossa Senhora da Purificação, mais conhecido como Convento Beneditino de Monjas, teve o seu início no século XVI, no ano de 1594.
  • Este Convento está situado junto das muralhas do castelo. Foi iniciada a construção na época em que Montemor-o-Novo recebeu Foral Novo de D. Manuel I, no século XVI.
  • A sua edificação foi possivelmente em 1560 ou 1565 quando D. Francisco de Melo, Senhor da Vila, mandou erguer o convento feminino de Carmelitas Descalças.