Século XIV

O Século XIV marca o tempo em que o estilo gótico substitui o românico e se espalha por toda a Europa.

  • Templo de estilo gótico, dos finais do século XIV, com um pórtico barroco (1770).
  • Em 1383 o Rei D. Fernando, protector dos Franciscanos, impulsionou por decreto o início de obras da atual Igreja.
  • Esta igreja teve duas fases de construção. A primitiva foi fundada em 1300 em memória da celebração de paz entre D. Dinis e o Infante D. Afonso.
  • É considerada como uma das Igrejas mais importantes e maiores do Algarve rural. Foi iniciada a sua construção no séc. XIV e alvo de intervenções nos sécs. XVII e XVIII.
  • Todo o historial da fundação desta igreja está ligado ao convento, tendo com o decorrer dos tempos passado para plano secundário.
  • A Igreja Matriz de Manteigas, foi construída entre 1336 e 1338 e restaurada entre o século XVII e XVIII e depois ainda em 1935.
  • Com diversas designações, a Igreja de Santa Maria da Graça foi considerada como o último grande monumento gótico monacal que Santarém atualmente conserva.
  • Neste local da Igreja, a única certeza de que há memória sobre esta edificação religiosa é que, em 1152, D. Mafalda mulher de D. Afonso Henriques patrocinou a construção de um Mosteiro.
  • A Igreja Paroquial de Azinhoso é considerada um dos templos medievais mais importantes de Trás-os-Montes, embora existam dúvidas quanto à sua data de edificação.
  • A sua construção abrange dois séculos XIV e XV e dois estilos, gótico e barroco, destacando-se o gótico.
  • Esta é conhecida como a Antiga Igreja Matriz da Lourinhã, havendo divergências quanto à sua cronologia. Crê-se que o templo tenha sido edificado entre 1384 e 1397.
  • A Igreja Paroquial de Santiago tem as suas primeiras referências em 1302, sendo no entanto muito reformulada em meados do século XVI.
  • Convento fundado pelos Franciscanos entre 1250 e 1330, a igreja era um dos proeminentes edifícios medievais do Algarve.
  • Considerada uma das igrejas mais antigas de Castelo de Vide, pertenceu à Ordem de Malta e era Comenda das Freiras da mesma ordem de Estremoz.
  • Edificado no século XIV, foi sagrado em 1329 por D. Ambrósio Pereira Brandão, bispo de Ressiona.
  • A Igreja de São Lourenço foi construída em 1342 por ordem do bispo de Lisboa D. João. No século XIV já era igreja paroquial.
  • Sabe-se apenas que a construção desta igreja é posterior à da Igreja de Santa Maria. A primeira referência que existe é de 1 de julho de 1449.
  • A Igreja de São Sebastião, ou de Nossa Senhora da Conceição, surgiu entre os séculos XIV e XVI sobre uma ermida prévia que sofreu bastante com o terramoto de 1755.
  • A Igreja de São Sebastião foi possivelmente fundada no final do século XIV. Contudo o atual templo corresponde ao início do século XVIII, fruto de uma reedificação.
  • Datada do séc. XIV, tal como a Igreja de Santa Maria pertenceu primeiramente à Ordem do Hospital, seguindo-se ao Priorado da Ordem de Malta.