São Jorge

São Jorge (n. entre 275 e 280 - m. 23 de abril de 303) era um soldado romano no exército do imperador Diocleciano. É o santo que, segundo a lenda, mata o dragão e um dos Catorze santos auxiliares.

Diocleciano mandou prender todos os soldados cristãos e os restantes deveriam oferecer sacrifícios aos deuses romanos. Jorge proclamou-se cristão e reclamou contra o imperador. Este não queria perder um dos seus soldados, por isso começou por lhe oferecer bens, sem o conseguir. Depois torturou-o, sempre sem qualquer resultado. Jorge mantinha a sua fé e graças a ela alguns romanos começaram também a converter-se, incluindo a mulher do imperador que se converteu ao cristianismo. Diocleciano, ma vez que por estes processos não conseguia o que pretendia, mandou degolá-lo.

  • Esta Ermida ou Capela é dedicada a São Jorge e está localizada na povoação de Vale de Todos.
  • O Castelo de São Jorge, situado na colina mais alta do centro histórico de Lisboa, deve o seu nome à devoção a São Jorge, santo padroeiro dos cavaleiros e das cruzadas. Origem do...
  • Termas de S. Jorge, um refúgio para cuidar e revigorar o corpo e descansar a alma!

Comentários