Ponte Medieval

Um pouco por todo o país podemos encontrar diversas pontes de construção posterior ao domínio romano, mas na generalidade em estrutura semelhante.

  • Uma ponte medieval que ligava Ílhavo com o Forte da Barra e que atuamente está a ser utilizada pelos peões que a atravessam em direção ao parque Odinout.
  • Esta ponte medieval que atravessa o rio Alva, que liga Arganil a Côja, é formada por três arcos de volta perfeita, sendo o do meio o maior, onde assenta o tabuleiro plano com guardas de pedra, de...
  • A ponte nova do séc. XVII, de e que foi construída a jusante de uma velha ponte do tempo dos romanos, da qual ainda restam alguns pilares.
  • Ou Ponte de Esperança, como também é conhecida, destaca-se entre a multiplicidade de estruturas medievais, datando dos sécs. XIV e XV, e atravessa o Rio Ave.
  • Como o nome indica, a ponte é real devido a que esta edificação se realizou no período e consequentemente a mando do Rei D. João III.
  • Ponte sobre o rio Sever, feita em granito, remonta aos finais do século XVI mas é chamada por muitos de ponte romana.
  • Também conhecida por Ponte Antiga, é um dos pontos máximos da cidade de Tavira apesar de que, de romana, já quase nada tem.
  • A ponte integra a via que ligava o Porto a Vila Real de Trás-os-Montes, passando justamente por Paredes, Valongo e Penafiel. A ponte é formada por um simples arco de volta perfeita de aduelas em...
  • A origem da ponte terá sido durante o período romano, com uma reconstrução medieval e obras no século XVI ou XVII. Tem anexados o cruzeiro e as alminhas.
  • Esta ponte teve a sua construção ou reconstrução no século XVII, do Baixo Medieval, é uma ponte de dimensões reduzidas devido ao reduzido curso da água, que implicou uma construção em granito de...
  • Ponte medieval de origem romana, atravessa a ribeira de Mira, formando um arco com tabuleiro em cavalete assente sobre um arco abatido.
  • Um belo exemplar da arquitectura românica pelo notável estado de conservação e pelas características, enquadrando-se muito bem no meio rural.
  • Documentos paroquiais de 1758 indicam-nos que a Ponte de Agra revela padrões construtivos do românico, admitindo-se que possa ter sido construída nos finais da Idade Média.
  • Tendo sido edificada entre os séculos XIV e XV, esta ponte românica entra no período de transição da Baixa Idade Média e do Gótico.
  • A Ponte do Arco, construída entre as margens do Rio Ovelha, é uma ponte de um só arco de volta perfeita, com o tabuleiro em cavalete.
  • Ponte que atravessa o rio Cesarão, poderá datar dos sécs XIII ou XIV. Possui três arcos e, a montante, dois talhamares triangulares.
  • Ponte Românica do Carro ou simplesmente Ponte do Carro, datada do século XIII, fazia parte do caminho entre o Porto e Barcelos.
  • Ponte em Sarzedo sobre o rio Alva.
  • Crê-se que, primitivamente neste local, existiu uma ponte romana, dado ser este traçado da estrada romana que ligava Braga a Guimarães.
  • Construída em alvenaria de granito, sem guardas, o tabuleiro é arqueado sobre um único arco de volta redonda com aduelas largas e curtas.