Jardins e Parques Verdes

Parques Verdes e jardins são dos locais mais agradáveis nas localidades dado proporcionarem um espaço em contacto com a natureza. Locais arborizados e relvados, habitualmente com bancos e muitas vezes com mesas e espaço para piqueniques, mas sempre com com espaço para corrida, para caminhar, para jogar, para convívio ou simplesmente para descanso.

  • Na transição entre o Centro Histórico e a parte nova da cidade existe um excelente parque para passeio e descanso, o Jardim da Liberdade, ao longo da Avenida Sá da Bandeira.
  • O Jardim da Luz, de nome próprio Jardim Teixeira Rebelo, é o local onde se realiza em setembro, desde o século XVI, a antiga Feira da Luz.
  • Um jardim na aldeia da Mina de São Domingos, um espaço verde e arborizado com muito espaço e condições para se efetuar desporto.
  • Um jardim no meio da localidade com espaços relvados e arborizados, espaço para passeio e bancos para descanso. Conta ainda um coreto e uma fonte de repuxo. Os mais novos podem também aproveitar o...
  • O Jardim da Praça do Império é um jardim situado entre o Mosteiro dos Jerónimos, o Centro Cultural de Belém e o Rio Tejo.
  • Um dos antigos largos de Almeirim, foi em tempos o Terreiro do Paço Real que entretanto foi totalmente demolido em 1890.
  • Este jardim é um espaço nas margens da ribeira da Sertã (a Carvalha) que foi há pouco tempo requalificado transformando-se num belo local de lazer.
  • No centro histórico encontramos um pequeno quarteirão formado por uma autêntica beleza e uma bela obra de jardinagem, que integra a Igreja do Bom Jesus da Cruz
  • Um jardim no centro da cidade com uma estátua dedicada às mães de todo o mundo. É um jardim pequeno mas bem cuidado, repleto de flores de todas as cores.
  • O Jardim das Rosas está situado na antiga Quinta da Lezíria, tendo sido inaugurado em 22 de novembro de 2003.
  • Um jardim no centro da localidade, um espaço agradável para lazer e passeios.
  • Este pequeno jardim, situado próximo do Largo D. Pedro I, é um local de homenagem ao escritor António Alves Redol.
  • Este espaço verde, dedicado ao povo de Poiares, foi inaugurado em 16 de julho de 2008. Está equipado com uma fonte luminosa no meio do lago.
  • Um pequeno jardim no centro da localidade com árvores e bancos, um espaço de descanso e de convívio. Num extremo do jardim existe a estátua ao emigrante e no outro extremo um cruzeiro.
  • Nome verdadeiramente relegado pelo Jardim da Cordoaria, assim entendido pelos portuenses, é um espaço que remonta à Idade Média, em que se denominava de Campo do Olival.
  • Jardim e espaço amplo e muito bem arranjado no centro de Nisa, na Praça da República.
  • Um grande jardim muito arborizado, com boas sombras, bancos para descanso e ainda mesas e bancos de piquenique no meio do arvoredo fazem um espaço excelente para passeio, descanso, descontração,...
  • Um largo num extremo de Benavente transformado num jardim com muitas árvores, bancos, relvado e muitas sombras.
  • É dos jardins mais emblemáticos da cidade, uma pequena beleza no centro histórico de Braga, num pequeno canto que se liga ao Paço Episcopal através dos seus claustros.
  • Um pequeno jardim triangular, atravessado a meio pela rua que liga o bairro de Santos à Avenida 24 de Julho, com um traçado ao estilo romântico oitocentista.