Monumento Nacional

Monumento Nacional ou de Interesse Nacional é considerado quando representa um valor cultural com significado para o País. Esta designação é atribuída aos bens imóveis classificados como de interesse nacional, sejam eles monumentos, conjuntos ou locais.

  • O Castelo de Lanhoso é um dos quatro monumentos no Monte do Pilar. Considerado um dos mais antigos castelos nacionais, está documentado desde a reconquista do norte do território.
  • O Castelo de Leiria teve o seu papel importante juntamente com outros na defesa e no aumento do território de Portugal, formando uma linha central nesta zona desde o litoral até ao interior.
  • Uma obra do início do século XIII, foi restaurado e ampliado por D. Dinis, a quem atribuem a torre de menagem, que nele residia aquando das caçadas que faziam no Gerês.
  • De origem árabe, reconstruído no séc. XIII, possuía uma grande parte amuralhada, parte da qual ainda é visível. Este castelo tem três torres albarrã.
  • Crê-se que a fortificação já existia em 1063 quando o Rei de Leão, Fernando Magno, conquistou aos muçulmanos que ocupavam a região.
  • A sua construção data de 1170, a mando de D. Afonso Henriques, e o primeiro documento a referir a povoação foi a Carta de Foral em 1183, do mesmo rei.
  • Encontrando-se estrategicamente localizada num alto rochoso na confluência da ribeira de Oeiras com o rio Guadiana, esta fortificação teve as suas origens islâmicas.
  • Acreditando-se que o Castelo de Mogadouro seja da época medieval, a sua fundação provém de uma primitiva ocupação de um castro pré-histórico, passando pela romanização.
  • Sendo a maior parte do conjunto atual edificado no séc. XIII e na primeira metade do séc. seguinte, deve-se essencialmente a dois monarcas, D. Afonso III e D. Dinis.
  • Este castelo tem fama da resistência dos ataques como dos árabes, castelhanos e franceses, e dos sete anos do tempo do famoso Viriato.
  • Sendo uma estrutura medieval tardia, insere-se na reorganização dos espaços fronteiriços a oeste e este de Chaves empreendida por D. Afonso III.
  • A muralha de Nisa é de 1343, num documento de D. Afonso IV. No séc. XVI foi afixada uma lápide com figuras manuelinas pelas intervenções realizadas
  • O Castelo de Noudar está situado no Parque da Natureza de Noudar, num montado de azinho, estando num local de extrema e ímpar beleza natural entre o Rio Ardila e a Ribeira de Múrtega.
  • Já em 960 o Castelo de Numão marcava a sua presença documentada, quando foi doado pela D. Chamôa Rodrigues ao Convento de Guimarães, através da sua tia Condessa Mumadona.
  • O castelo de Óbidos, mistura do diversos estilos, é anterior à nacionalidade portuguesa e referido em documentos de 1153.
  • Este castelo, de caráter militar, foi edificado no período romano como protector da estrada que ligava Chaves a Lamego.
  • Crê-se que, segundo testemunhos deste período, a primitiva ocupação humana deste lugar pertence a um castro pré-histórico, possivelmente romanizado.
  • Este Castelo de Penas Roias faz parte do conjunto de castelos para a defesa e afirmação de Portugal como Nacionalidade.
  • Edificado no século XIV, a atual construção é, provavelmente, o resultado de alterações quinhentistas ao original castelo medieval.
  • Com início num castro edificado pelos lusitanos, vetões ou túrdulos, ali refugiados, foi desenvolvido com a chegada dos romanos que o fizeram crescer militarmente.