Fontes

Uma fonte, fontanário ou chafariz é uma construção erigida num local público, passeio, jardim, praça, que tem como função principal dar de beber a quem passa. Sendo no início o local onde todas as populações vizinhas se abasteciam de água, por não haver água canalizada em casa, tornou-se também num local de convívio.

Uma fonte habitualmente é construída numa forma ornamentada, algumas bastante simples e muitas outras extremamente elaboradas. Na atualidade a função principal deixou de ter tanto significado mas continua a cumprir a sua função de dar de beber e de decoração.

  • Esta é uma ou mesmo a melhor água do distrito. Nunca seca e água sempre limpa e muito boa.
  • Na aldeia de Caçarelhos é de facto um tanto ou quanto de estranhar a existência de duas fontes de mergulho. É certo que a tipologia é a mesma, mas diferentes no seu acabamento.
  • Estas duas fontes situam-se próximo do castelo e da piscina fluvial, no caminho para a capela da Senhora da Piedade.
  • Estas fontes, situadas no Largo de Santa Cristina, são duas, de duas épocas diferentes, uma do século XVI e outra do século XVII.
  • As fontes grande e pequena são dois pontos de referência da vila de Alte. São utilizadas para piqueniques, descanso, banhos e tudo o mais.
  • Fotos diversas da aldeia de Pé de Janeiro
  • A Igreja de São Francisco e o Seminário dos Missionários Apostólicos formavam o conjunto do Antigo Convento de São Francisco, que se encontra na via de desenvolvimento da Vila. Foi edificado na...
  • A Igreja Matriz de Avô é um templo do séc. XVIII, embora possa ter sido construído sobre outro do séc. XVI que já se encontrava bastante arruinado.
  • Igreja Matriz de Vimioso ou Igreja de São Vicente em homenagem ao mártir. A sua inauguração situa-se no período filipino.
  • No centro histórico encontramos um pequeno quarteirão formado por uma autêntica beleza e uma bela obra de jardinagem, que integra a Igreja do Bom Jesus da Cruz
  • Também conhecido por Jardim Olavo Bilac, em homenagem ao escritor brasileiro, situa-se junto do Palácio das Necessidades.
  • No único largo da aldeia, têm ao seu centro três elementos fundamentais para a população.
  • É aqui neste pequeno Largo de Encontro que pode confraternizar por uns minutos, horas ou até um dia. Estão aqui reunidas as condições para que tenha uns momentos bem passados.
  • Este lavadouro teve a sua época, em que as mulheres ali lavavam a roupa suja e punham a conversa em dia.
  • Implantado num vale com uma paisagem impressionante, este é um dos mais importantes mosteiros beneditinos. A sua primeira referência conhecida é de 1099.
  • Este poço, situado no caminho para o Convento de S. Francisco, é referenciado no século XIX.
  • Até aos anos 50 do século passado era desta forma que era feito o abastecimento de água, já que água canalizada era um privilégio a que só alguns podiam aceder.
  • Este acabava por ser um ponto de encontro onde pelo menos as mulheres locais se encontravam da sua lida diária, na busca de água ou para a lavagem das roupas.
  • A Praça da República, além de ser o local de encontro dos habitantes e visitantes, é o local onde pode encontrar vários pontos de interesse da vila.
  • Praça do Giraldo a praça central de Évora Coordenadas GPS: N 38 34.268' W 007 54.587'