Ermida ou capela isolada

As ermidas são capelas que foram construídas em locais ermos, isolados, longe das povoações, muitas vezes em locais elevados com uma paisagem excelente. São habitualmente locais de peregrinação onde se dirigem os populações em procissão em honra do santo a quem a capela é dedicada. Com o aumento populacional e urbanístico muitas ermidas acabaram por serem incluídas na população, mantendo no entanto a designação inicial.

  • Uma ermida dedicada a São Lourenço, sobre a qual não há qualquer informação. Situa-se na margem direita do rio Guadiana.
  • Esta Ermida de São Romão situa-se na povoação com o mesmo nome num extremo do concelho de Vila Franca de Xira. O interior desta capela está revestido de azulejos do século XVII em muito bom...
  • Pertencendo à confraria de São Roque, este pequeno templo teve origem no tardo-gótico quinhentista com motivos manuelinos e mudéjares.
  • Esta ermida surgiu devido ao culto do santo mártir romano, tido como advogado contra as epidemias e contágios. De origem medieval, é de uma planta simples de uma só nave.
  • Esta capela foi referida em assento da Mesa da Santa Casa da Misericórdia de Almada em 1587, sendo por isso anterior a essa data.
  • Situada a noroeste da Praça da República, a atual ermida nada têm da original quinhentista, sendo um templo do século XVII resultado de uma intervenção.
  • A primitiva Ermida, dedicada a São Sebastião, é do ano de 1673, pelo Bispo D. Francisco Barreto II, localizada no largo com o mesmo nome.
  • Crê-se que esta capela seja do século XV, sendo depois reconstruída após o terramoto de 1755. De planta longitudinal é constituída por uma nave e capela-mor.
  • À saída da Praia das Maçãs, a caminho de Azenhas do Mar, encontramos uma capela à beira da estrada com a indicação de "Ermida da Villa Guida - Esta ermida pertenceu a Alfredo Keil".
  • Situada numa das ruas estreitas de Alfama, esta ermida foi no início dedicada ao Espírito Santo e depois a Nossa Senhora dos Remédios.
  • A Ermida do Espírito Santo é atribuída ao início do século XVI, devido à inexistência de uma data e da confraria à qual estivesse associada.
  • Situada no centro histórico de Santarém, a poucos metros da Igreja de Santo Estêvão, ergue-se este pequeno templo conhecido como a Ermida do Santíssimo Milagre.
  • Uma pequena ermida de estilo manuelino do início do século XVI, na sua construção estava situada dentro da cerca do Mosteiro dos Jerónimos.
  • Segundo a indicação na cartela entre a porta e a janela, data de 1753, tomando outro nome de Capela da Amoreira.
  • Em finais do séc. XVI o bispo D. Afonso Castelo Branco mandou edificar a Igreja da Misericórdia sobre as ruínas da antiga ermida do Espírito Santo numa mistura do barroco e manuelino.
  • Igreja ou Ermida da Senhora do Monte, situada no centro de Alcorriol, destaca-se a volumosa torre sineira. Não há informação sobre a data da construção.
  • A igreja de Nossa Senhora de Assunção era uma ermida, pertencente à freguesia de São Clemente de Loulé.
  • A antiga ermida e Igreja de Nossa Senhora da Luz foi destruída pelo terramoto de 1755, restando do original apenas o cruzeiro e a capela-mor.
  • A Capela do Pragal, situa-se no alto do Pragal, no cimo da escarpa em frente da auto-estrada de acesso à ponte.
  • Situada a 600 metros a sul da localidade de Pisão, esta igreja dedicada a Santo António é possivelmente do tempo medieval. A fachada é aberta pelo portal que é encimado por um óculo circular e pela...