Cruzeiro

Um Cruzeiro é uma cruz construída numa coluna, em pedra, que se ergue sobre uma plataforma com um ou mais degraus. Sendo um símbolo cristão, normalmente um cruzeiro é construído no adro de uma igreja ou num cemitério, embora se vejam do mesmo modo em outros locais tais como cruzamentos ou rotundas e ainda em locais elevados.

  • Este cruzeiro do século XVIII, situado na Praça da República, em frente ao Mosteiro, tem como base um soco de planta quadrangular constituído por seis degraus.
  • Este cruzeiro está assente em seis degraus quadrangulares, onde se eleva um plinto granítico retangular decorado por cartelas com um fuste cilíndrico com relevos e um capitel coríntio.
  • Este cruzeiro está situado a cerca de 300 metros para norte da aldeia de Campo Benfeito, num local da Serra de Montemuro com uma paisagem espetacular sobre toda a área em volta e vendo-se ao longe...
  • Um cruzeiro situado na saída sudeste de Campos, no meio de uma encruzilhada, o fuste cilíndrico liso está assente sobre três degraus quadrados. Uma cruz sobrepõem ao fuste, separada por duas...
  • Situado no mesmo espaço murado da Capela do Senhor do Bonfim, também o Cruzeiro, todo em pedra e trabalhado, faz parte do cenário religioso do local.
  • Um cruzeiro de provável construção do século XVIII situado numa intersecção de vários ruas, é formado por uma base de quatro degraus com o plinto sobreposto por uma cruz latina.
  • Sem um conhecimento exacto da cronologia ou o local original, este cruzeiro é dividido em duas partes, sendo atribuído a parte do remate aos finais da época medieval.
  • Um Cruzeiro situado no Largo do Cruzeiro, um encontro de ruas na localidade de Corujeira. É constituído pelo fuste cilíndrico sobre uma base quadrada a que se sobrepõe o capitel em forma de cesto e...
  • Situado em frente da Capela, é um elemento figurativo da arquitetura religiosa, é um verdadeiro ícone da aldeia espelhada nas figuras escultóricas da cruz.
  • Símbolo da aproximação de um templo religioso e, neste caso, em frente à Igreja Matriz de Ermesinde, este monumento deverá ter sido edificado durante o século XVIII.
  • Situado numa rotunda no centro da localidade, o cruzeiro está protegido por uma cobertura piramidal apoiada em quatro colunas terminadas em pináculos.
  • Situado em frente da Igreja Matriz, o Cruzeiro de Fontes assenta sobre uma base quadrada de dois degraus, estando o mais baixo ao nível do chão.
  • Um cruzeiro situado num entroncamento de ruas da aldeia, tem um fuste de secção quadrada sobre 5 degraus.
  • O Cruzeiro de Frossos, situado num espaço empedrado formando uma junção de ruas, é uma construção do século XVII.
  • Sem referência histórica, de estilo barroco, este cruzeiro também conhecido como Senhora da Piedade ergue-se sobre um soco de cinco degraus hexagonais.
  • Situado no lado esquerdo do Mosteiro de Leça, este magnífico cruzeiro estilo manuelino, em pedra ançã.
  • Este cruzeiro, que já foi um pelourinho, está situado no largo da Igreja Matriz e também perto do Convento de Louriçal.
  • Embora indicado no guia turístico como Cruzeiro mas Pelourinho pelo aspeto, este está situado extra muros da Cidade ou do Castelo.
  • O Cruzeiro de Montargil, situado na lateral da Igreja Matriz, apresenta dois degraus de pedra de forma quadrada e uma coluna com uma esfera de pedra.
  • Este cruzeiro do séc. XVIII, algo fora do normal com duas figuras uma em cada lado representando um menino e uma menina, está situado no centro de Mourilhe.