Situado no pequeno e único largo de nome Comendador Sousa Lima, à entrada da Vila no sentido sul/norte, o Pelourinho é a imagem do reforço do poder concelhio que a Vila obteve em 1260, com o primeiro foral atribuído pelo rei Afonso III.

Descrição

Pelourinho de Prado

Pelourinho de Prado

Viria a perder este poder quando, em 1510, o rei D. Manuel atribui o foral à vizinha localidade de Pico de Regalados, abrangendo por isso a Vila de Prado. À semelhança da Vila de Prado, Pico de Regalados acaba também por perder o seu poder concelhio quando este foi extinto em 1855, sendo transferido para Vila Verde, na qual se integra até à atualidade.

Sem o poder, conserva-se o Pelourinho que se ergue no centro da dita praça sobre um soco de dois degraus quadrados de aresta. Segue-se a coluna cilíndrica e lisa, com base num anel rebordante.

Pelourinho de Prado
Esfera armilar
Pelourinho de Prado
Pelourinho de Prado
Escudo nacional
Pelourinho de Prado
Armas dos
Sousa

Sobre a coluna, um capitel circular com decoração fitomórfica, em que assenta um ábaco ou tabuleiro quadrangular composto por molduras crescentes. Sobre este tabuleiro, apresenta-se um bloco prismático decorado com diversa heráldica, incluindo o escudo nacional coroado pela esfera armilar, em meio relevo, e as armas dos Sousas, senhores de Prado.

A rematar é sobrepujado de um outro tabuleiro decorado com quatro pináculos cantonais bojudos, em meias esferas, e um pináculo central idêntico mas de maior dimensão. Deste pináculo central crava-se uma longa haste em ferro, terminada em cruz.

Classificação

Faz parte da lista dos Imóveis de Interesse Público desde 1933

Localização

Coordenadas GPS: N 41 35.830' W 008 27.833'  (41.59717, -8.46388)

Referências

Temas / Tags

Vila de Prado, publicado em por