Esta estátua encontra-se no largo com o nome do benfeitor, D. Gualdim Pais, situando-se no centro histórico da Vila.

Biografia

- Figura importante e de referência para a vila de Amares, posso dizer também para Portugal, fazendo parte da história deste país. Possivelmente a figura de D. Gualdim Pais passa despercebida para os portugueses e possivelmente para os amarenses, bastando-lhes saber o necessário como referência da terra.

- Efectivamente D. Gualdim Pais nasceu nesta terra em 1118, vindo a falecer em 1195 em Tomar, sendo aí sepultado. Foi um cruzado português, Freire Templário e Cavaleiro de D. Afonso Henriques. Tal distinção foi-lhe atribuída pelo soberano no campo de Ourique, combatendo ao lado deste contra os mouros.

D. Gualdim Pais
D. Gualdim Pais

- Partiu para a Palestina, onde militou durante cinco anos como Cavaleiro da Ordem dos Templários, fazendo parte do cerco à cidade de Gaza. Ao retornar foi ordenado quarto Grão-Mestre de Portugal, então sediada em Soure, pois havia um castelo por doação de D. Teresa. Tendo sido o fundador de Tomar, nessa capacidade, fundou também o castelo de Tomar e o Convento de Cristo, fazendo deste local o Quartel-General dos Templários no País, dando foral à nova vila no ano de 1162.

- Mais tarde o castelo serviu para repelir as forças almóadas, sob o comando do Califa Abu al-Mansur, detendo assim a invasão do norte do reino, decorria o ano de 1190. Em 1195 faleceu nesta vila tendo sido sepultado na Igreja de Santa Maria dos Olivais.

- Para além de ter fundado a vila de Tomar, o castelo e o Convento de Cristo, D. Gualdim Pais também fundou mais cinco castelos: o de Almourol, o de Idanha, de Ceras, de Monsanto e finalmente o de Pombal, dando a este último o foral em 1174.

Localização

Coordenadas GPS: N 41 37.874' W 008 21.064'  (41.63123, -8.35107)

Temas / Tags

Amares, publicado em por